Nesta quarta-feira (18), os canais #ESPN emitiram uma nota informando que não irão transmitir a Copa do Brasil deste ano. O motivo deu-se por conta de um acordo entre o #Sportv – canal esportivo da Globosat e detentor dos direitos televisivos – e o Fox Sports, que dividirão entre si os jogos da Copa do Brasil e da Copa Libertadores da América.

Neste ano, o torneio continental ocupará praticamente todo o calendário, diferente do que era até 2016, quando terminava no meio da temporada, e coincidirá com o período de disputa da segunda competição mais importante do Brasil.

A negociação entre as duas emissoras provocou um aumento no valor do sub-licenciamento para a ESPN, que por não poder contar com partidas exclusivas (teria que mostrar a mesma que uma das duas concorrentes), entendeu que não valeria a pena continuar exibindo o torneio, o qual transmitia desde 2009.

Publicidade
Publicidade

O canal do Grupo Disney, no entanto, poderá continuar mostrando os melhores momentos das partidas, assim como faz com os jogos do Campeonato Brasileiro. Pelo acordo entre SporTV e Fox, as emissoras escolherão os jogos que mostrarão de forma exclusiva e não haverá o mesmo jogo nos dois canais. Neste ano, a Fox deverá exibir um número maior de jogos da Copa do Brasil.

Em 2015, a ESPN já havia perdido os direitos de transmissão da UEFA Champions League para os canais Esporte Interativo.

Exclusividade valeu a pena

No ano passado, os canais ESPN decidiram mostrar com exclusividade o Campeonato Inglês. A iniciativa deu resultado, e logo na primeira rodada houve um crescimento de 81% de audiência se comparado a primeira rodada da temporada anterior. Esse crescimento impactou principalmente no Canal ESPN+, que na partida entre Liverpool e Leicester registrou recorde de audiência desde quando a medição passou a ser feita.

Publicidade

No comparativo entre agosto e setembro do ano anterior, o canal dobrou sua audiência.

Antes dividindo os jogos com o Fox Sports, a ESPN decidiu mostrar todos os 360 jogos da Premier League ao vivo em seus três canais ou através da internet, pelo WatchESPN. Nessa plataforma, foi registrado um aumento de 42% na audiência. #Copado Brasil