Tudo indica que o técnico mais bem pago do mundo não terá o seu contrato renovado para a próxima temporada no Barcelona. Luis Henrique, que atualmente recebe 18 milhões de euros por temporada, parece que terá que procurar outra equipe para comandar nos meses que seguem. Os resultados ruins do Barcelona contra equipes como Alavés, Celta de Vigo, Málaga, Real Sociedade, Atlético de Bilbao e o empate desse domingo (08) contra o Villarreal, mostram que o técnico #Luis Henrique não consegue mais fazer com que o time de Messi e companhia produza o mesmo que no ano passado, quando conquistou a tríplice coroa.

De acordo com a imprensa espanhola, um dos problemas do técnico do clube catalão reside nas suas escolhas onde jogadores considerados abaixo do nível do Barcelona são considerados opções, enquanto que outros mais qualificados ficam no banco de reservas.

Publicidade
Publicidade

A mídia esportiva da Espanha entende que Luis Henrique abusa de experiências que via de regra têm dado errado. O técnico do clube catalão provoca a ira dos seus críticos principalmente quando saca da equipe jogadores experimentados como Rakitic e Jordi Alba, que além de bons atletas, são ídolos da torcida do Barça.

Para piorar a situação do técnico espanhol, um dos jogadores que pede sua saída é nada mais, nada menos do que #Lionel Messi, "dono do time." Conforme já registramos aqui, o argentino condiciona, inclusive, sua renovação de contrato com o Barcelona à troca de treinador. Mas compartilham da mesma posição do Messi jogadores como Luis Suárez, Gerard Piqué, Sérgio Busquets e Jordi Alba. Todos jogadores de alto nível do clube e com grande prestígio junto ao torcedor. Nessa lista pode-se acrescentar também o brasileiro Neymar e o Iniesta, que embora comedidamente, também são contrários à permanência de Luis Henrique.

Publicidade

Reza a lenda que num time de futebol quando um jogador faz "corpo mole" dentro de campo prejudica bastante o rendimento da equipe. Mas a partir do momento em que dois atletas adotam essa postura, as coisas ficam praticamente inviáveis. Imaginem cinco jogadores consagrados jogando contrariados? Por isso, ninguém irá estranhar se, nos próximos dias, o próprio Luis Henrique colocar o seu cargo à disposição por entender que não tem mais "clima" no Barcelona. #FC Barcelona