Se no início da semana o jogador Felipe Melo fretou um helicóptero para assinar contrato com o Palmeiras, no interior do estado a história é bem diferente: passagens aéreas viraram causa de discórdia entre clube e jogador.

Pelo #Facebook, a maior página do Marília Atlético Clube (não-oficial, administrada por torcedores) lançou a inusitada campanha #PagaNoisPalito. O clube pagou as passagens do jogador Victor Palito, mas ele acabou assinando contrato com o Flamengo de Guarulhos.

"O Atleta Victor Palito, que deveria se apresentar no MAC ontem, acabou se apresentando no Flamengo de Guarulhos. Sabendo que o clube pagou duas passagens pra ele, uma de São Luís/MA para São Paulo e outra de São Paulo para Marília e o atleta acabou ficando por Guarulhos, decidimos lançar a campanha #PagaNoisPalito com o objetivo de receber do atleta o dinheiro gasto nessas passagens." Dizia a postagem na página.

Publicidade
Publicidade

Na publicação, páginas de vários outros clubes também comentaram, a maioria se solidarizando com o Marília. .Juventude, Cianorte, Linense, Primavera e XV de Jaú foram algumas das equipes que se pronunciaram. Todas entrando também no espírito da brincadeira. No entanto, também houve quem discordasse do Tigre. A página "Esporte Clube Noroeste - Torcedores" foi enfática: além de falar para o jogador não pagar, ainda lançou a hashtag #TimeCaloteiro.

Jogador se pronuncia

Também pelo Facebook, o jogador Victor Dourado deu sua versão sobre a polêmica: "Pessoal vamos ser inteligente..passagem não utilizada ela continua em aberta.. E o Marília pode correr atrás de um outro meia atacante E correr 2 vezes .. # Palito fechado com FLAMENGO GUARRULHOS" (sic).

O Flamengo de Guarulhos, novo clube de Victor Palito, não se pronunciou sobre o ocorrido.

Publicidade

Brincadeira ganha as redes

Após a divulgação da hashtag, muitos torcedores aproveitaram para tirar sarro da situação pelo Facebook e pelo Twitter.

A página Cenas Lamentáveis, uma das maiores que reúnem #Futebol e zoeira, foi enfática ao compartilhar a postagem: "Eu amo o futebol brasileiro e irei protegê-lo", "2017 nem começou direito ainda e já pode ser considerado melhor que 2016".

Não se sabe se 2017 será melhor que 2016, mas já existem previsões a respeito.

Posteriormente, a página se desculpou pela brincadeira. #VictorPalito