O #Flamengo divulgou as imagens do que será o #Estádio onde mandará seus jogos em 2017. Na divulgação, o clube disse: “Ilha da Nação. Em breve, pulsando junto com a equipe em busca das vitórias”.

A concessão do estádio vem de uma parceria com a Portuguesa da Ilha do Governador. O rubro-negro carioca assumirá a sua gestão e promoverá as adaptações necessárias para que possa haver o seu mando de campo.

A ideia do Flamengo é erguer arquibancadas nos quatro lados do estádio, que será personalizado com as cores do time. Além disso, a capacidade deve ser ampliada para 20 mil torcedores, permitindo assim a disputa dos campeonatos nacionais e da Copa Libertadores, até as suas semifinais.

Publicidade
Publicidade

O conselho deliberativo do clube aprovou, na noite desta terça-feira, a parceria com a empresa Rohr Engenharia para ser a responsável por erguer toda a estrutura da Arena da Ilha.

A ideia é fazer com que o novo estádio tenha uma atmosfera de caldeirão, envolvendo os jogadores e torcedores em uma clima contagiante. O espaço atrás dos gols será todo sem assentos, e a sua distância do gramado encurtará para a metade do que o Botafogo utilizava quando mandava seus jogos na Ilha.

A capacidade estimada deve ficar por volta de 20.500 lugares. As obras já estão em andamento, com a reforma do gramado, e têm previsão para conclusão no prazo de dois meses.

O Flamengo ainda não definiu o número de jogos que irá mandar na Arena da Ilha, aguardando ainda a conclusão das negociações envolvendo o Maracanã.

Publicidade

Porém, o desejo do torcedor flamenguista ainda não se concluiu: os rubro-negros ainda sonham com uma casa própria, que seja chamada de sua. As piadas e memes circulam na internet, vindos de diversas torcidas rivais, que brincam com o fato do clube não ter um estádio, dependendo de negociações e acordos para poder mandas seus jogos.

No ano passado, enquanto o Maracanã esteve fechado para a disputa das Olimpíadas, o clube fez uma campanha espetacular, mesmo mandando seus jogos fora do estado, principalmente no Espírito Santo.

A pergunta que fica é: será que o torcedor rubro-negro aprova sua nova casa para 2017? #FutebolBrasileiro