O #Cruzeiro está classificado para a próxima fase da #Copa São Paulo de Futebol Júnior 2017. A vaga veio depois da vitória por 2 a 0 sobre o União Mogi, na noite deste domingo (8), em jogo válido pela terceira rodada do Grupo 22. Mesmo com o clima de tristeza por conta da morte do Presidente do União, Senerito Souza, momentos antes do começo da partida, os mineiros fizeram o dever de casa e ficaram com o segundo lugar da chave, somando 6 pontos em três jogos. Na próxima fase, a equipe vai encarar o Bahia, primeiro colocado do Grupo 21. O duelo acontece na próxima quarta-feira (11), ás 16h, na cidade de São Bernardo do Campo no ABC paulista.

O jogo

Com cerca de 20 minutos de atraso, a bola rolou para União e Cruzeiro.

Publicidade
Publicidade

Logo aos 4 minutos, o União teve a chance de abrir o placar. Juliano foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Buchecha, deu uma “cavadinha” que parou nas mãos do goleiro Jonathan. O time de Mogi das Cruzes não se abalou, e partiu para cima do adversário. O Cruzeiro apostava na velocidade de seus atacantes para levar perigo a meta unionista, na primeira grande chance, o atacante Thonny arriscou de fora e obrigou o goleiro Anderson a fazer boa defesa. O arqueiro unionista por sinal, foi o grande destaque do primeiro tempo com ótimas intervenções que impediram a abertura do marcador. Fim de primeiro tempo: 0 a 0.

Na volta dos vestiários, os atletas das duas equipes prestaram um minuto de silêncio em homenagem ao presidente do União, Senerito Souza, falecido instantes após o começo do confronto.

Publicidade

No reinício do jogo, o Cruzeiro já fez o primeiro. Aos 2 minutos, cruzamento rasteiro da direita e Vander, sozinho, só empurrou para o fundo do gol: 1 a 0 Cruzeiro.

Se as coisas já não estavam boas para o lado do União, a desvantagem no placar caiu como um balde de água fria sobre a equipe. Com dificuldades para encaixar as jogadas, a primeira grande ação dos donos da casa veio somente aos 24 minutos na cabeçada de Juliano, mas a bola foi para fora. Com o jogo nas mãos, o Cruzeiro sacramentou a classificação no finalzinho, aos 43 minutos, num erro da defesa, Marco Antônio roubou a bola e bateu rasteiro na saída do goleiro: 2 a 0 Cruzeiro. #UniãoMogi