O longo período lesionado e fora das quadras parece ter feito bem a Roger #Federer, que segue fazendo uma campanha arrasadora no #Australian Open, primeiro Grand Slam do ano. Na manhã desta quinta-feira, no horário de Brasília, o antigo número 1 do mundo venceu uma partida eletrizante contra o amigo e compatriota Stan Wawrinka, e assim garantiu vaga na final do torneio.

Federer precisou de cinco sets para vencer Wawrinka, que jamais havia o vencido em partidas na superfície dura. Até então, eram 13 jogos em quadras rápidas com 100% de aproveitamento de Federer. E o início da semifinal desta quinta parecia indicar apenas a repetição destes jogos anteriores.

Publicidade
Publicidade

Mais regular que Stan, o tetracampeão em Melbourne foi preciso e cirúrgico para marcar 7/5 6/3 e abrir 2 sets a zero no jogo.

Faltava apenas mais um set para Federer marcar de vez a presença na grande final, mas Wawrinka voltou para o jogo e, bem mais agressivo, atropelou na terceira parcial. Abusando de winners tanto de direita quanto de esquerda, Stan aplicou 6x1 no compatriota e ganhou fôlego para o quarto set.

A partir do "ressurgimento" de Wawrinka no duelo, o jogo ficou tão parelho quanto tenso. Cada ponto era disputado com muito cuidado pelos tenistas e visto com atenção pela arquibancada lotada da Rod Laver Arena, principal quadra do Australian Open. Superior, Stan marcou 6/4 e forçou a decisão no quinto set.

Vencendo por 3x2, depois de salvar duas bolas de break point, Federer aproveitou o vacilo de Stan no sexto game, quebrou o saque do rival e abriu 4x2.

Publicidade

Com uma quebra de vantagem, teve tranquilidade para marcar 6/3 e garantir sua sexta final na Austrália.

Seu rival será conhecido na manhã desta sexta-feira e sairá da partida entre o espanhol Rafael Nadal e o búlgaro Grigor Dimitrov. Roger Federer já venceu o torneio quatro vezes (2004, 2006, 2007 e 2010) e brigará pelo pentacampeonato, que o devolveria ao grupo dos 10 melhores tenistas do mundo - no momento, ele é apenas o 17° colocado na listagem feita pela Associação dos Tenistas Profissionais (ATP).