O #Manchester City se reabilitou nesta segunda-feira (2), no campeonato inglês, ao derrotar por 2 a 1 o Burnley, pela 20.ª rodada da #premier league. A vitória ganhou contornos dramáticos, já que o time teve que atuar com um jogador a menos desde os 31 minutos, após expulsão de #Fernandinho, que deu uma entrada dura em Gudmundsson. Esta foi a segunda expulsão do brasileiro na atual edição do campeonato inglês, fato que tinha acontecido pela última vez com o italiano Mário Balotelli.

Como é a segunda vez que recebe cartão vermelho direto no campeonato – já havia saído de campo mais cedo na partida contra o Chelsea -, o jogador terá que cumprir quatro jogos de suspensão: três por essa expulsão, além de mais um pela reincidência.

Publicidade
Publicidade

No entanto, a punição ainda poderá ser revertida, uma vez que o lance foi bastante polêmico e o clube poderá pedir a revisão da punição. Ele também havia recebido cartão vermelho em jogo válido pela Liga dos Campeões, diante do Borussia Monchengladbach.

Com um a menos, o time de Pep Guardiola mostrou força para ir buscar o resultado positivo no segundo tempo. Aos 12 minutos, Clichy bateu cruzado para abrir contagem a favor dos Citizens. O segundo gol do Manchester veio logo depois quando, aos 16 minutos, Sterling ficou cara a cara com o goleiro Heaton, mas se atrapalhou todo na hora de driblar o arqueiro. Agüero não quis saber de conversa, pegou a sobra e bateu cruzado para fazer seu gol de número 153 com a camisa do City e se isolar como terceiro maior artilheiro do clube. O Burnley descontou aos 24 minutos com Mee, num lance em que foi preciso recorrer à tecnologia para ser validado e também contou com falha do goleiro Bravo.

Publicidade

Com a vitória, o Manchester está com 43 pontos e momentaneamente assume a terceira posição, ultrapassando Arsenal e Tottenham, que ainda jogarão no decorrer da semana. Após uma intensa maratona pela Premier League, o time volta suas atenções para a estreia na Copa da Inglaterra, já na sexta-feira (6), contra o West Ham. Pela competição, o próximo desafio será contra Everton, no Goodison Park, em 15 de janeiro.