No dia 16 de novembro de 2013, a Fifa postou um texto em seu site oficial parabenizando o Santos Futebol Clube pelos 50 anos do bicampeonato mundial alvinegro, conquistado em 1963, sobre o Milan.

Nesta sexta-feira (27), a entidade máxima que rege o futebol mundial, presidida por Gianni Infantino, oficializou que somente as competições organizadas por ela valem como título mundial.

Com essa nova decisão da #FIFA, o Santos deixa de ser, pelo menos para a entidade, bicampeão mundial. Para os torcedores santistas e para os amantes do futebol, porém, o time alvinegro da Era Pelé continua com o status de bicampeão mundial inalterado.

Publicidade
Publicidade

Nas redes sociais, alguns santistas se manifestaram sobre a decisão da Fifa. “Não preciso de Fifa para saber que meu time é bicampeão mundial”, postou o perfil “Olho no #Santos FC”, no Twitter.

Além do Santos, que “perde” o bicampeonato, outras equipes também passam pela mesma situação. São Paulo, Flamengo e Grêmio, que venceram a edição que a Fifa agora não chancela, deixaram de ser campeões mundiais também.

Este internauta recordou os parabéns que a Fifa deu ao Santos, em 2013, pelos 50 anos da conquista sobre o Milan.

Publicidade

Com a mudança, o Corinthians é a única equipe brasileira com dois títulos reconhecidos pela Fifa. Em 2000, o alvinegro venceu o Vasco na final da competição que até hoje é motivo de piada entre os rivais.

Apesar de não reconhecer mais os títulos mundiais de Flamengo, Grêmio, Santos e São Paulo, nunca se sabe quando a Fifa vai mudar de ideia e voltar a reconhecer essas competições disputadas antes do ano 2000 como Mundial.

A entidade máxima do futebol costuma ser bastante desorganizada em relação a esses reconhecimentos. Ela chegou a reconhecer a Copa Rio do Palmeiras como Mundial, mas voltou atrás.

Para o torcedor santista, e para o torcedor de qualquer outra equipe, título conquistado é título válido. O Santos é, sim, bicampeão mundial. Se não para a Fifa, para os seus torcedores e para aqueles que viveram os anos de 1962 e 1963. Que venha a próxima polêmica com selo Fifa de qualidade. #Mundial de Clubes