O #Marília, time do interior paulista, fez uma postagem no Facebook, na manhã desta segunda-feira (16), comentando a situação do atacante Didier Drogba, de 39 anos, que está sem clube desde novembro, quando deixou o Montreal Impact, time da Major League Soccer, a Liga Norte-americana de #Futebol. Na mensagem, o MAC diz:

"De saída... O centroavante marfinense Didier Drogba anunciou ontem que não disputará a Série A3 do Campeonato Paulista pelo Marília. O atleta chegou a se apresentar e estava treinando com o grupo do MAC. O Drogba nos pediu a liberação, por conta de uma proposta irrecusável que ele teria recebido. Resolvemos deixar ele ir, até porque depois poderíamos ter o atleta insatisfeito aqui”, ressaltou o presidente do MAC, Antônio Carlos Sojinha.

Publicidade
Publicidade

Claro que os torcedores levaram tudo como uma grande brincadeira. Junto com a postagem, o clube acrescentou a uma montagem de foto do atleta da Costa do Marfim com a camisa do clube.

Enquanto isso a novela continua

Brincadeiras a parte, a novela Drogba/#Corinthians segue sem desfecho. No último domingo, 15, parte da torcida do Olympique de Marseille levou faixas contra a contratação do centroavante, que foram levantadas durante o jogo diante do Mônaco. Na faixa a torcida disse: "Pare de dizer que você ama o Olympique de Marseille. Você ganha mais dinheiro em um mês do que nós a vida inteira. Não seja um bebê chorão e volte para a China."

Enquanto na França Didier não parece ser bem-vindo, a torcida do Corinthians aguarda de braços abertos o jogador. No sábado (14), a diretoria corintiana realizou uma coletiva de imprensa para falar sobre a possível contratação do atacante, que tinha presente o diretor de Futebol, Flávio Adauto, e o gerente de Futebol, Alessandro.

Publicidade

Na coletiva, os dirigentes informaram que foi realizada uma proposta pelo jogador e que aguardam a resposta por parte do atleta. Segundo Adauto, "mão tem ninguém nosso no exterior tratando desse assunto. O Corinthians encaminhou uma resposta concordando com as exigências que não são tantas, e enviou o documento ao representante ao atleta falando ser possível atender as solicitações, que se enquadram ao futebol brasileiro."

Sobre a entrevista de um dos agentes de Drogba ao jornal L' Equipe em que o agente nega saber de uma proposta por parte do clube Alvinegro, Flávio se defendeu. "O jogador estava vivendo nos Estados Unidos e não tem um só agente. A informação é que ele tem um dois ou três que o representam.” Até dezembro passado, o atacante marfinense estava atuando pelo Montreal Impact, time do Canadá, que disputa a MLS, liga norte-americana.