A derrota do Vasco por 3 a 0 no clássico do último domingo (29) para o #Fluminense no Engenhão ainda ecoava em São Januário nesta segunda-feira (30). Um dos jogadores mais experientes do elenco, o meia Nenê não escondeu o descontentamento pela forma como o time foi batido na estreia do Campeonato Carioca, competição na qual luta pelo bicampeonato.

O camisa 10 não contestou a derrota, mas disse que o placar foi exagerado e lembrou a melhora que o time apresentou na segunda etapa, perdendo chances de diminuir o marcador quando o jogo ainda estava 2 a 0. Para ele, essa evolução precisa ser mostrada já na próxima partida, diante do Bangu, lembrando que os erros cometidos no clássico não poderão se repetir.

Publicidade
Publicidade

“Isso não pode acontecer. Perder um clássico dessa maneira”, disse.

Treinador diz que derrota foi merecida

O técnico Cristovão Borges admitiu que o desempenho do #Vasco na estreia do Campeonato Carioca foi abaixo do esperado. Apesar de ter visto melhora na etapa complementar, ele analisou que a vitória do Fluminense foi construída ainda no primeiro tempo, quando o Tricolor marcou dois gols e que sua equipe não conseguiu jogar, aceitando a marcação do adversário.

Borges elogiou a atuação de Guilherme no segundo tempo e revelou que outros jovens serão lançados nos próximos jogos, porém disse também que a diretoria tem a intenção de reforçar o elenco e que novidades são esperadas para a próxima semana. Ele também espera pela recuperação de Marcelo Mattos, que está machucado, e também que a documentação do meia Wagner seja regularizada para ele poder estrear.

Publicidade

O Vasco volta a jogar pelo Campeonato Carioca nesta quinta-feira (2), quando encara o Bangu, em Moça Bonita. A expectativa é que até lá Wagner esteja em condição de jogo. Outro que poderá estar em campo é o atacante Muriqui, que estava em processo de recondicionamento físico. Na sequência da competição, o time enfrentará o Resende em São Januário antes de estrear na Copa do Brasil contra o Santos do Amapá, no dia 9 de fevereiro. #STJD