Nesta quinta-feira (5), o mandatário santista, Modesto Roma Júnior, viajou até Buenos Aires, capital da Argentina, para reunir-se com o centroavante Hérnan Barcos, ex-Grêmio e Palmeiras.

No encontro, além de tratarem do salário que o clube deverá pagar ao argentino, Roma e Barcos acertaram também detalhes referentes ao vínculo do atleta com o alvinegro praiano. Nos bastidores comenta-se que a oferta brasileira superou a proposta feita pelos colombianos do Atlético Nacional, time que ganhou imenso respeito e admiração dos torcedores do Brasil após abrir mão do título do Campeonato Sul-Americano 2016 com a tragédia do fim de novembro passado com a equipe da Chapecoense.

Publicidade
Publicidade

Contratado pelo Vélez Sarsfield até o mês de junho deste ano, Barcos está emprestado ao português Sporting Lisboa e basta definir sua situação com as duas diretorias para que Modesto Roma possa anunciá-lo, oficialmente, como o quinto reforço para a temporada.

Fora dos planos do técnico do Vélez Omar De Felippe e também da equipe portuguesa, o #Santos aposta na má fase vivida atualmente por Barcos para que o clube argentino o libere sem maiores exigências.

Independentemente de Barcos encerrar, ou não, seu vínculo com o time dono de seus direitos econômicos, é certo que ele poderá vestir a camisa do Santos. Porém, pretendendo comprá-lo e tê-lo em definitivo, o clube paulista poderá ter de aguardar até a metade do ano para encerrar a negociação tendo o jogador, até lá, por empréstimo.

Publicidade

Sem Fabuloso

Antes na mira de Modesto Roma Júnior e em processo de rescisão contratual com o chinês Tianjin Quanjian, Luis Fabiano deixa de ser opção para o alvinegro praiano para atuar com Ricardo Oliveira se a contratação do argentino for confirmada. Isto porque, financeiramente, a proposta para ter Barcos é bem mais viável ao Santos.

Para 2017, por enquanto, o técnico Dorival Júnior já conta com quatro atletas como reforços à sua equipe: Leandro Donizete, volante vindo do Atlético-MG; Vladimir Hernández, atacante que deixou o Junior Barranquilla (Colômbia); Cléber, zagueiro que jogava no Hamburgo, da Alemanha e que também já vestiu a camisa do Corinthians e, por fim, o lateral-direito Matheus Ribeiro, contratado do Atlético Goianiense.

Até o momento, o Santos contratou quatro reforços para esta temporada: o atacante Vladimir Hernández, do Junior Barranquilla, da Colômbia, o lateral-direito Matheus Ribeiro, do Atlético-GO, o zagueiro Cleber, ex-Corinthians e que estava no Hamburgo, da Alemanha, e o volante Leandro Donizete, do Atlético-MG. #Mercado da bola #PaixãoPorFutebol