A diretoria do #Palmeiras está caminhando para fechar o grupo para a disputa dos principais campeonatos em 2017. Vai disputar o Campeonato Paulista, a Copa do Brasil e a Copa Libertadores da América. Se levantar a taça continental, o Alviverde vai disputar também o Mundial de Clubes, que acontecerá em dezembro.

Todos os esforços estão sendo feitos para que o Palmeiras conquiste mais uma vez a América. Já foram gastos mais de R$ 30 milhões em reforços, e o clube quer mais: Miguel Borja, do Atlético Nacional, e Lucas Pratto, do Atlético Mineiro, interessam bastante. A Crefisa, atual patrocinadora, deve assinar a prorrogação contratual por mais dois anos e ajudar a gestão de Maurício Galiotte com novos reforços.

Publicidade
Publicidade

Se isso de fato acontecer, o clube terá mais dinheiro disponível para jogadores e quitação de algumas dívidas principais.

Gabriel está fora

O volante Gabriel não faz mais parte do Palmeiras. O próprio clube anunciou de forma oficial que o atleta não veste mais a camisa palmeirense. De acordo com informações da imprensa, deve assinar com o rival Corinthians. O acordo não foi fechado por conta da alta pedida do Monte Azul-SP, atual 'dono' do jogador: R$ 17 milhões.

Cleiton Xavier viaja para assinar

Aos 33 anos, Cleiton Xavier pode dar fim à sua segunda passagem pelo Palmeiras. O jogador, que atual em 30 jogos no Campeonato Brasileiro de 2016, deve defender o Vitória. De acordo com dirigentes do clube baiano, o contato foi feito e já está tudo certo. Já de acordo com o empresário do atleta, Renato Figueiredo, ainda restam alguns detalhes para o negócio de fato acontecer.

Publicidade

Xavier fazia parte da lista de reforços pedido pelo técnico Argel Fucks. No Palmeiras, o meia jogou entre 2009 e 2010. Ficou marcado por sucumbir na disputa do título Nacional daquele ano quando o time estava dez pontos à frente do segundo colocado, mas não conseguiu nem a classificação para a Libertadores.

Depois de deixar o Palmeiras, ficou cinco anos no Metalist, da Ucrânia. Com boas atuações, chamou a atenção palmeirense, mas desde que chegou não foi mais o mesmo de antigamente. #Mercado da bola #Futebol