Além de recusar a proposta de patrocínio da Caixa Econômica Federal, o presidente do Fluminense, Pedro Abad, terá outra situação bastante complexa nos próximos dias. No Equador, acompanhando o Sul-Americano Sub-20, Renato Velasco, empresário de Richarlison, confirmou que, quando retornar ao Brasil, irá se reunir com o mandatário do Tricolor com o intuito de cobrar uma dívida de R$ 1 milhão. Segundo o agente, esse débito é fruto da comissão a qual teria direito no período em que foi sacramentada a vinda do atacante junto ao América-MG.

"Acho inadmissível eles não me pagarem e isso foi a comissão da compra que fizeram do jogador há um ano atrás quando compraram do América-MG.

Publicidade
Publicidade

Eu sempre fui parceiro dos clubes. Estou no Equador até domingo, chegando aí irei me reunir com atual presidente", declarou Velasco ao Net Flu no final da tarde desta quinta.

Ainda sob a gestão Peter Siemsen, o #Fluminense investiu R$ 10 milhões para acertar um vínculo de cinco anos com Richarlison no início de 2016. Depois de um começo irregular, gerando várias críticas tanto por parte de membros da diretoria quanto da torcida, o jovem de 19 anos se firmou e, no momento, é um dos destaques do renovado elenco do Tricolor. Em 32 partidas pela agremiação das Laranjeiras, marcou quatro gols. Recentemente, o Ajax, da Holanda, apresentou uma proposta de R$ 30 milhões pelo atleta, mas o Fluminense recusou a oferta.

Flu realiza treino leve antes de voltar ao Rio

Enquanto os bastidores seguem fervilhando, dentro de campo, o técnico Abel Braga tenta manter o grupo focado na continuação da temporada.

Publicidade

Menos de 12 horas após a derrota de 1 a 0 para o Internacional, no Beira-Rio, pela segunda rodada da Copa da Primeira Liga, o Fluminense, ainda em Porto Alegre, realizou uma atividade leve.

Quem enfrentou o Colorado ficou na academia do hotel para um trabalho regenerativo. Já os reservas foram ao CT do Grêmio e, sob o comando do preparador Manoel Santos, disputaram um treinamento tático em campo reduzido.

No início da noite, a delegação chegou ao Rio de Janeiro. A reapresentação acontece na sexta, às 16h30 (de Brasília), no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca. No domingo, o Fluminense volta as suas atençõess para o Campeonato Carioca. A partir das 17h (de Brasília), o líder do Grupo C (nove pontos) e já classificado para as semifinais da Taça Guanabara, encara, no Los Larios, em Xerém, distrito do Grande Rio, o Bangu. #PaixãoPorFutebol #Mercado da bola