Nesta quinta-feira ocorreram alguns jogos da primeira fase da Copa do Brasil, e, por enquanto, os grandes clubes não estão dando espaço para as famosas “zebras”.

Jogando em Natal, o #Vasco da Gama enfrentou o Santos-AP. Desde o início de jogo, a equipe carioca mostrou que não se contentaria apenas com o empate, que também garantiria a vaga na próxima fase. Os vascaínos criaram boas chances com destaque para a bola de Guilherme Costa, no travessão, aos 17 do primeiro tempo. Três minutos depois, o mesmo foi derrubado na área e o juiz marcou pênalti. Nenê bateu com categoria e abriu o placar. A primeira parte do jogo terminou com o Vasco atacando e buscando o segundo gol.

Publicidade
Publicidade

Precisando de dois gols para conseguir a classificação, o time amapaense foi totalmente neutralizado pela defesa vascaína. O panorama do jogo seguiu idêntico ao do primeiro tempo, ataques do time carioca e posse de bola. O estreante Kelvin, além de ter feito uma boa estreia, tirou tinta da trave em um chute aos 28 do segundo tempo e assustou em outras oportunidades. Faltando pouco para o fim da partida, Guilherme Costa foi derrubado novamente dentro da área e mais um pênalti foi marcado a favor do Vasco. Nenê cobrou e converteu. Festa vascaína em Natal. Placar final: Santos-AP 0 x 2 Vasco.

O São Paulo viajou até o Maranhão para enfrentar o Moto Club. A torcida tricolor marcou boa presença no estádio Castelão, e logo no primeiro minuto, Gilberto abriu o placar após bela jogada de Júnior Tavares.

Publicidade

Após serem dominados pelo time paulista, coube aos donos da casa buscar o ataque. Aos 23 minutos, o atacante Paquetá chutou uma bomba próxima ao ângulo esquerdo do gol defendido por Denis. No último lance, o jovem Neilton acertou um forte chute no travessão e quase ampliou o placar. O primeiro tempo terminou com domínio absoluto do tricolor paulista.

Na segunda etapa, o jogo caiu de produção. O Moto Club não conseguiu encaixar bons ataques e o São Paulo tratou apenas de administrar o jogo. Minutos antes de se lesionar, Gilberto ainda perdeu um gol incrível na frente do goleiro Ruan, que foi um dos destaques do jogo, fazendo ótimas defesas e impedindo um placar maior. Por fim, o time comandado por Rogério Ceni tratou apenas de segurar a bola no campo de ataque até o apito final do árbitro, aos 48 minutos do segundo tempo. Placar final: Moto Club 0 x 1 São Paulo.

Até o momento, já confirmaram a classificação para a segunda fase: Sport, Sete de Dourados, Gurupi, São Francisco-PA, Murici, América-MG, Altos, Sampaio Corrêa, Corinthians, Ponte Preta, Cuiabá, Boa Esporte, Vasco da Gama, Vitória, Coritiba, ASA, Paraná, PSTC-PR, São Paulo e Audax-SP. #Copa do Brasil #São Paulo FC