Custou caro para o técnico Paulo César Carpegiani a eliminação da #Copa do Brasil, em casa, para o ASA de Arapiraca, na semana passada. Nesta segunda-feira (27), a diretoria do Coritiba decidiu pela demissão do treinador, que chegou ao clube durante o Campeonato Brasileiro do ano passado, ajudando o time a se livrar do rebaixamento para a Série B. Dessa forma, o time se torna o primeiro dentre os que compõem a Série A a mudar de comando técnico.

Os primeiros nomes a serem especulados para assumir o comando do Coxa são do Levir Culpi, porém, pesa o fato dele não querer dirigir times da capital paranaense, Jorginho (ex-Vasco) e Marcelo Oliveira, que levou o Coxa a duas finais de Copa do Brasil.

Publicidade
Publicidade

Ao site Globoesporte.com Carpegiani disse que emitirá uma nota nesta terça-feira (28), explicando toda a situação e agradecendo ao clube, o qual já dirigiu outras duas vezes. Nesta última passagem, em 32 jogos, conseguiu 44% de aproveitamento dos pontos disputados. Neste período foram 11 vitórias, 11 derrotas e 10 empates.

Ele assumiu o comando do Coxa na 19ª rodada do Brasileirão do ano passado, quando a equipe estava no Z-4. Após sua chegada, o time melhorou no segundo turno e conseguiu escapar da degola, ficando na 15ª colocação com 46 pontos, três a mais que o Internacional, que acabou caindo para a segunda divisão.

Quarto da lista

Na derrota por 2 a 0 para o time de Arapiraca, que custou a eliminação na Copa do Brasil ainda na segunda fase, o treinador assumiu o quarto posto dentre os que mais dirigiram o clube.

Publicidade

Somando suas três passagens, foram 126 partidas, com 60 vitórias, 28 derrotas e 38 empates.

Ainda sem treinador, o #Coritiba volta a jogar nesta quarta-feira (1º) pelo Campeonato Paranaense, contra o Atlético, para fazer aquela partida que havia sido adiada em função da transmissão no YouTube não ter sido autorizada pela Federação. O clube é apenas o sexto colocado na tábua de classificação e por conta da eliminação na Copa do Brasil só terá o restante do estadual para jogar e depois a Série A do Campeonato Brasileiro. #Dança dos Técnicos