Devido à briga generalizada de torcedores antes do clássico do último domingo, o presidente do Botafogo, Carlos Eduardo Pereira, assegurou que o Flamengo não atua mais no Engenhão. Essa decisão do mandatário alvinegro pode causar um imbróglio ainda maior, uma vez que, com a impossibilidade de utilizar o Maracanã, o estádio do Glorioso seria a opção para os jogos das semifinais e da decisão da Taça Guanabara, segunda fase do #Campeonato Carioca. Em entrevista concedida a um programa de esportes da Rádio Transamérica, o diretor de competições da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, Marcelo Vianna, espera que haja um fim nos conflitos, mas não descartou utilizar campos de outros estados.

Publicidade
Publicidade

"Hoje, os ânimos ainda estão muito elevados. Então, vamos esperar os acontecimentos, esperar que o presidente Rubens Lopes, da Federação, e Carlos Eduardo Pereira, do Botafogo, sentem e cheguem a um entendimento. As semifinais e finais têm que ser realizadas dentro do Estado do Rio de Janeiro, mas dentro de uma possibilidade que não deixe outra opção, tudo pode acontecer. Agora, é sentar e tentar resolver o melhor para o futebol do Rio de Janeiro", explicou o dirigente.

Nesse ano, o Cariocão teve uma nova fórmula. Na primeira fase, seis equipes jogavam em turno único. Após essa etapa, Portuguesa e Nova Iguaçu se juntaram a Botafogo, Flamengo, Vasco, Fluminense, Madureira, Boavista, Macaé, Bangu, Volta Redonda e Resende para a disputa da Taça Guanabara.

Divididos em dois grupos de seis, ficou definido que, até o momento, Flamengo e Madureira pelo Grupo B, além do Fluminense, pelo C, classificaram-se antecipadamente para as semifinais, que serão jogadas no Sábado de Carnaval e a Quarta-Feira de Cinzas.

Publicidade

Vasco, Volta Redonda e Resende lutam pela última vaga do Grupo C, que será decidida no próximo sábado, às 17h (de Brasília). O Gigante da Colina, em São Januário, recebe a Portuguesa, enquanto o Aurinegro irá a Moça Bonita para encarar o Fluminense e o Gigante do Vale, no estádio do Trabalhador, tentará derrotar o Bangu. #FutebolBrasileiro #PaixãoPorFutebol