Um lance bizarro marcou a rodada desta quarta-feira (15) do Campeonato Paulista. #Ituano e #São Bento jogavam no estádio Novelli Júnior, quando o "beneditino" zagueiro João Paulo marcou um golaço do meio de campo. Só que o chute foi para o lado errado (veja o vídeo). O erro foi crucial para o resultado final da partida, vencida pelos donos da casa por 1 a 0, o que deixou o time de Sorocaba na lanterna no estadual, sem nenhum ponto em três jogos, e com sinal de alerta ligado.

O lance inusitado aconteceu aos 23 minutos do primeiro tempo. O jogador do São Bento estava no meio de campo e, sem ter com quem sair jogando, decidiu recuar a bola para o goleiro.

Publicidade
Publicidade

No entanto, o chute saiu forte demais e encobriu Rodrigo Viana, que ainda tentou tirar, mas a o auxiliar acusou que a bola cruzou a linha fatal, validando o tento do Galo de Itu e gerando muita reclamação do banco de reservas do Azulão. De acordo com o canal de TV que fazia a transmissão da partida, a bola percorreu 55 metros.

Apesar do lance desastroso, o São Bento fez um bom primeiro tempo, tendo até oportunidades de sair para o intervalo com o empate. Para a etapa complementar, o Azulão voltou com uma mudança. Autor do gol contra, o zagueiro João Paulo deixou a partida para dar lugar ao estreante Gabriel Santos.

O São Bento seguiu melhor no segundo tempo, mas as oportunidades de gol não eram aproveitadas. Nos minutos finais, o Azulão aumentou a pressão, mas a bola insistia em não entrar.

Publicidade

Único time ainda a não pontuar e na lanterna da competição, o São Bento reencontrará sua torcida no sábado (18), quando receberá o Botafogo, às 19h30, no estado Walter Ribeiro. Um pouco mais cedo, o Ituano encara o Grêmio Novorizontino, às 17 horas, na casa do adversário.

Confira, a seguir, a ficha técnica das duas equipes.

Ituano: Fábio, Arnaldo, Lima, Naylhor (Matheus) e Lima; Peri, Guly (Walfrido), Igor, Guilherme e Morato (Lucas Crispim), Claudinho e Ronaldo; Técnico: Tarcísio Pugliese.

São Bento: Rodrigo Viana; Bebeto, João Paulo (Gabriel Santos), Pitty e Denner; Fábio Bahia (Rodrigo Dantas), Itaqui, Morais e Clébson; Magrão (Jobinho) e Wilson Júnior. Técnico: Paulo Roberto Santos. #Paulistão