Na noite desta quarta-feira, 8, o Atlético foi até a Colômbia para enfrentar o Millonarios, no estádio El Campín, pelo segundo jogo da Pré-Libertadores, e conseguiu sair com a classificação nas penalidades, já que nos 90 minutos a equipe da casa havia vencido por 1 a 0, com um belo gol de John Duque.

A partida foi muito difícil para o Furacão, que pouco atacava e parecia querer sustentar a vantagem que conseguiu no primeiro jogo, 1 a 0, com gol de Grafite. Jogando com a sua torcida empurrando o jogo inteiro, o Millos pressionou desde o começo do jogo e imaginava que conseguiria reverter o resultado rapidamente, mas um jogador iria brilhar nesses 90 minutos, Weverton.

Publicidade
Publicidade

O goleiro do Furacão fez grandes defesas no primeiro tempo e impediu que o placar fosse aberto.

Os primeiros 45 minutos foram preocupantes para o time brasileiro, sem nenhum poder de reação, acuado e pouco ameaçava a zaga colombiana. Grafite, Nikão e Pablo até tentaram aumentar a vantagem, mas esbarraram no goleiro do Millonarios. Depois disso a equipe da casa cresceu mais e encurralou o Furacão, com as ações comandadas por Maxi Núñez e Quiñones, principalmente pelo segundo, que fez o goleiro atleticano operar um milagre. Fim de primeiro tempo e o 0 a 0 continuava no placar.

No início da etapa final, Carlos Alberto até tentou abrir o placar, mas a bola foi para fora. A partir daí o Millonarios retomou o controle do jogo e pressionava a zaga do Atlético e Weverton continuava fazendo suas defesas.

Publicidade

Até que aos 13 minutos, Duque recebeu a bola perto da área, avançou, cortou Sidcley e chutou no ângulo para fazer a torcida ir à loucura e acreditar na virada do placar agregado. A posse de bola continuava com os mandantes, que trocavam passes com facilidade e chegavam à área do Furacão com tranquilidade. Chegaram a marcar mais dois gols, mas ambos estavam impedidos e bem assinalados pelo bandeira. O jogo chegou ao fim, com 1 a 0 a favor dos colombianos e no agregado ficou empatado, a decisão foi para os pênaltis.

Jonathan, Grafite, Carlos Alberto e Felipe Gedoz acertaram as suas cobranças. Del Valle e Cadavid converteram pelo Millonarios, mas Franco, que parou em Weverton, e Nuñez, que chutou na trave, decretaram a classificação do Atlético-PR para a próxima fase. Agora, os brasileiros aguardam a definição do jogo entre Universitário, do Peru, e Deportivo Capiatá, do Paraguai.

O foco agora volta para o estadual, onde o #atlético-pr enfrenta o Prudentópolis, no domingo, no Newton Agibert. #Futebol #Libertadores