Corinthians e Palmeiras se enfrentam logo mais, às 21h45, na Arena Itaquera, pela quinta rodada do Campeonato Paulista edição 2017. Ambos chegam no Derbi com vitória. O #Palmeiras goleou o Linense por 4 a 0 e conseguiu se impor, passando tranquilidade para a torcida.

Nesta quarta-feira, no entanto, o técnico Eduardo Baptista vai 'quebrar a cabeça' para armar a equipe. O meia Moisés, que tinha se recuperado de cirurgia no pé e enfrentou o time de Lins em Araraquara, levou uma forte entrada no joelho esquerdo e teve que passar por mais uma intervenção cirúrgica. O jogador só volta a tocar na bola em cinco meses e o retorno previsto tem prazo de seis meses ou mais.

Publicidade
Publicidade

O volante Tchê Tchê, que dava sustentação e também saía bem, deve voltar em um mês.

Alejandro Guerra, que foi poupado no final de semana, deve ser o titular no time palmeirense. Michel Bastos, que fez uma boa partida, também deve ser titular. Raphael Veiga deve jogar mais pelo lado direito do campo enquanto Dudu fortalece o lado esquerdo.

No ataque, Willian Bigode deve seguir como titular. Alecsandro e Rafael Marques seguem como opções. O time deve entrar assim: Fernando Prass, Vitor Hugo, Mina, Zé Roberto e Jean; Felipe Melo, Guerra, Raphael Veiga, Dudu e Michel Bastos; Willian.

Barrios fora?

O atacante paraguaio Lucas Barrios foi dispensado da concentração do Palmeiras e viajou para o Rio Grande do Sul para fechar negócio com o Grêmio. O atleta, que tem seus vencimentos pagos pela Crefisa/FAM (patrocinadora do Palmeiras), não teria mais espaço no time de Baptista.

Publicidade

Além disso, a patrocinadora vai economizar cerca de R$ 18 milhões por ano com o jogador, e o dinheiro deve ser reinvestido de uma forma diferente.

Para liberar Barrios, a diretoria palmeirense impôs uma condição: a quitação por parte do jogador do adiantamento que o clube fez quando foi contratado. A diretoria resolveu antecipar alguns vencimentos para Barrios e, agora, os quer de volta. Se ele concordar, pode vestir a camisa do time gaúcho.

Barrios chegou em 2015 e não conseguiu conquistar a torcida. #Futebol #Paulistão