O estádio Santiago Bernabéu não receberá a grande final da Copa do Rei, no dia 27 de maio, entre Barcelona e Alavés. Pelo menos é isso que anunciou o presidente do #Real Madrid, Florentino Perez, nesta quinta-feira (9). O mandatário justificou a decisão afirmando que, na data, o estádio estará passando por reformas.

A recusa de ceder sua casa criará um problema para a organização da copa. Como a decisão sempre acontece em jogo único, um campo neutro é escolhido para a partida. A Espanha não conta com tantos estádios para o porte de um jogo como este e uma alternativa seria mandar o jogo para o San Mamés, mas o Athletic Bilbao já comunicou que também não poderá ceder seu campo.

Publicidade
Publicidade

Dessa forma, a solução mais provável seria novamente fazer a final no Vicente Calderón, casa do Atlético de Madrid, e que no ano passado recebeu o duelo entre o próprio Barcelona e o Sevilla.

Mais polêmicas

Revoltando com o cancelamento da partida entre Celta de Vigo e Real Madrid, no último domingo (5), pelo Campeonato Espanhol, o presidente do clube merengue, Florentino Perez, voltou a defender a criação da Superliga da Europa, iniciativa que conta com o apoio de outros clubes, como Juventus, Paris Saint Germain, Barcelona e Bayern de Munique.

Uma das ideias do torneio seria a junção da Liga dos Campeões com a Liga Europa, criando uma competição com 64 equipes. Elas seriam distribuídas em 4 grupos de 16, que se enfrentariam em sistema de pontos corridos e classificação para as fases seguintes.

Publicidade

Para tentar frear a insatisfação dos clubes, a EUFA já teria eliminado a fase prévia da Liga dos Campeões, que entraria em vigor a partir de 2018, e também aumentado o número de vagas diretas das principais ligas à fase de grupos.

O jornal As noticiou que o Real está usando a ideia da Superliga apenas para fazer pressão em cima da Liga Espanhola por conta do adiamento da partida do último final de semana. O clube tentou de todas as formas fazer com que o confronto fosse realizado, se prontificando até mesmo a cobrir eventuais danos ao estádio do adversário, mas não teve seus apelos atendidos. #Copa do Rei #FC Barcelona