O futebol alternativo escreveu mais um épico capítulo na madrugada desta quarta-feira (8), em um jogo da Copa Libertadores da América, no Equador. O modesto e desconhecido time argentino do Atlético Tucumán teve problemas em seu voo até Quito, entrou em campo atrasado, jogou com uniformes emprestados da seleção sub 20 da #Argentina, que está na cidade jogando o #Sul-Americano e, mesmo assim, conseguiu se classificar para a terceira fase após vencer El Nacional por 1 a 0.

O atraso

Os problemas começaram logo na viajem, no voo fretado pela equipe. A delegação estava em Guayaquil, porém um problema de falta de documentação impediu que o avião contratado decolasse.

Publicidade
Publicidade

A solução foi arrumar às pressas outra aeronave, porém a que conseguiram era menor, não podendo acomodar a todos. Eram cerca de 120 pessoas, entre jogadores, comissão técnica, dirigentes e torcedores. Isso fez a viagem atrasar três horas.

Eram necessários 40 minutos de voo e outros 40 de ônibus para chegar até o Estádio Olímpico Atahualpa. Porém, contando com escolta policial e um alucinado motorista, a viagem do aeroporto até o local da partida foi feita em menos tempo. O jogo estava marcado para às 22h30, mas o time conseguiu chegar ao estádio somente às 23h10. O regulamento dá tolerância de 40 minutos para atraso, mas desta vez o bom-senso prevaleceu e o fato foi ignorado pela arbitragem.

Camisas emprestadas

Os jogadores chegaram ao campo, mas os uniformes não. Para a sorte do time, a Seleção da Argentina está na mesma cidade jogando o Sul-Americano Sub 20 e topou emprestar um jogo de camisas para o time de seu país, que coincidentemente tem as mesmas cores.

Publicidade

E o uniforme bicampeão do mundo deu sorte. A equipe visitante superou toda a pressão da torcida adversária, que lotou as arquibancadas, e venceu por 1 a 0, gol anotado por Zampredi. Como na ida houve empate em 2 a 2, o Atlético avançou à terceira fase e agora disputará uma vaga na fase de grupos contra o Junior Barranquilla, da Colômbia, que na mesma noite eliminou os venezuelanos do Carabobo. #Copa Libertadores 2016