O Barcelona começou o jogo de hoje com uma desvantagem de quatro gols. A classificação era quase impossível, nenhum time tinha conseguido reverter essa vantagem na Liga dos Campeões.

Mas logo no começo do jogo Suarez abriu o placar e explodiu o Camp Nou. O Paris Saint Germain se defendia e quase não oferecia perigo. O primeiro tempo terminou com o placar de 2 a 0 para o time espanhol, o que dava esperança de conseguir a classificação.

No segundo tempo o árbitro marcou um pênalti que no Brasil geraria muita reclamação e Messi converteu. O PSG que só colecionava cartões e erros da defesa, reagiu e marcou um golaço com Cavani.

Publicidade
Publicidade

A partir desse momento o Barcelona precisava marcar mais três gols para se classificar. A vaga estava praticamente garantida para o time francês.

O Barcelona atacava e oferecia o contra-ataque, Cavani quase fez o segundo. Di Maria que entrou no segundo tempo também teve chance de matar o jogo, mas sofreu pênalti que o juiz não deu. Na sequência #Neymar sofreu falta na entrada da área e bateu com perfeição, marcando o quarto gol do Barça que ainda precisava de mais dois para fazer história.

No final do jogo em pênalti inexistente em Suarez, Neymar marcou o quinto gol. Com cinco minutos de acréscimo o Barcelona foi para cima e o goleiro Ter Stegen foi para o ataque também, sofreu falta na intermediária e em bola lançada na área, Sergi Roberto concretizou o milagre e o Barcelona consegui o impossível.

Publicidade

O jogo foi histórico, emocionante, teve reviravoltas e lambanças do árbitro. Sim, o juiz do jogo interferiu diretamente no resultado, marcando pênaltis duvidosos, dependendo da ajuda do assistente e dando cinco minutos de acréscimo no qual o time catalão conseguiu o gol da classificação.

A reflexão é de que a arbitragem europeia também é falha, também erra, inclusive em um campeonato tão rico, importante e assistido no mundo todo. Mas o mais importante é que os erros de arbitragem não ofuscaram o belo futebol apresentado em campo. Mais um detalhe, os pênaltis marcados foram em cima de jogadores sul-americanos que usaram da malandragem para ludibriar o juiz, característica dos que nascem do lado debaixo do Equador. O jogo foi sensacional e o futebol é o protagonista. #Liga dos Campeões #FC Barcelona