Em mais um clássico eletrizante no Nilton Santos, o Fluminense reassumiu a liderança do Grupo C ao derrotar, na noite desta quinta, o #Botafogo por 3 a 2 no fechamento da terceira rodada da Taça Rio, terceira fase do #Campeonato Carioca.Por outro lado, o Alvinegro viu complicar a sua situação. Em terceiro no Grupo B, o Glorioso não depende mais de seus próprios resultados para avançar até as semifinais do torneio.

Com seis pontos, o Tricolor volta a campo no domingo, às 19h (de Brasília), para encarar, no Giulie Coutinho, em Édson Passos, o Macaé. No mesmo dia, só que a partir das 16h (de Brasília), a equpe de General Severiano.

Publicidade
Publicidade

O primeiro tempo deu toda a impressão de uma vitória tranquila do Botafogo. Com uma forte marcação e saídas rápidas, a equipe dirigida pelo técnico Jair Ventura não demorou a abrir 2 a 0 no placar com Roger. Primeiro, aos 16 minutos, depois de receber passe de Rodrigo Pimpão e contar com a sorte ao errar o chute e, mesmo assim, deslocar o goleiro Diego Cavalieri. Aos 25, o camisa 9, em novo contra-ataque, entrou na área, passou por Renato Chaves, ganhou a dividida com Cavalieri antes de tocar para o gol vazio.

Enquanto isso, o #Fluminense só ameaçou no fim em duas cobranças de falta, uma com Sornoza e outra batida por Douglas. Em ambas, Saulo fez boas defesas.

No segundo tempo, o panorama mudou completamente e foi a vez de o Fluminense comandar as ações. Aos dez minutos, Wellington ganhou na corrida pela direita, entrou na área e só foi parado por Bruno Silva.

Publicidade

Pênalti que Richarlison bateu forte. Saulo ainda tocou na bola, mas não evitou o primeiro gol tricolor. Aos 16, Wellington recebeu no meio e tocou para Richarlison. Pelo lado esquerdo, o camisa 70 dominou e, de canhota, mandou cruzado, empatando o clássico.

Os 2 a 2 tornaram a partida franca. Sorte maior teve o Fluminense. Aos 23, Douglas bate escanteio pela direita, a bola vai para o outro lado. Richarlison não desistiu do lance, correu, deu um drible desconcertante em Aírton e cruzou para Renato Chaves escorar, virando o placar.

O Botafogo ainda tentou empatar e deixou o gramado reclamando de um pênalti não marcado sobre Guilherme, mas o Fluminense soube segurar o resultado e dar alegrias aos seus torcedores presentes ao Engenhão.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 2 X 3 FLUMINENSE

Competição: Campeonato Carioca - Taça Rio (terceira rodada)

Data: 23/03/17 (quinta)

Horário: 21h45 (de Brasília)

Local: Nilton Santos, Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Mauricio Machado Coelho Junior

Cartões amarelos: Victor Luís, Bruno Silva, Airton e Guilherme (BOT); Renato, Henrique e Wendel (FLU)

Renda: R$ 105.610,00

Público: 6.225 pagantes (6.776 presentes)

Gols: Roger, (15' e 26'/1ºT); Richarlison,n (12' e 16'/2ºT), Renato Chaves (23'/2ºT)

BOTAFOGO : Saulo; Marcinho, Emerson Silva, Joel Carli (Renan Fonseca) e Victor Luís; Airton, Bruno Silva, Montillo (Guilherme) e Camilo; Rodrigo Pimpão e Roger (Sassá).

Publicidade

Técnico: Jair Ventura.

FLUMINENSE : Cavalieri; Renato, Renato Chaves, Henrique e Léo; Luiz Fernando (Wendel) , Douglas e Sornoza; Wellington, Richarlison (Marquinho) e Henrique Dourado (Pedro). Técnico: Abel Braga.