A #Portuguesa teve mais uma semana pesada em sua complicada fase. Em oito dias, time do Canindé sofreu três derrotas no Campeonato Paulista da Série A-2, o que lhe deixou a um ponto da zona de rebaixamento, viu Émerson Leão deixar o clube e neste domingo (5), anunciou a demissão do técnico Tuca Guimarães.

Sem contar a precoce eliminação na Copa do Brasil para o Boavista, o tormento lusitano começou no último sábado (25), quando a equipe foi até o Vale do Paraíba e acabou perdendo para o Taubaté pelo placar de 2 a 1, resultado que lhe afastou da zona de classificação para as semifinais.

A chance de reabilitação veio na quarta-feira (1º), quando, sem poder usar o Canindé, o time mandou o jogo contra o Votuporanguense no estádio José Libertatti, em Osasco, porém, um novo tropeço, desta vez por 1 a 0, contra um adversário que estava na zona de rebaixamento, fez o torcedor passar a olhar com mais cuidado para a parte de baixo da tabela.

Publicidade
Publicidade

Para piorar, no dia seguinte, Emerson Leão deixou o cargo não remunerado que ocupava como consultor de futebol profissional.

Neste sábado (4), o time foi até Capivari enfrentar o Capivariano, que havia vencido pela primeira vez apenas na rodada anterior. No entanto, ao invés de se reabilitar contra um adversário que luta para não cair, os comandados de Tuca Guimarães engataram a terceira derrota consecutiva e viram a pressão sobre o treinador aumentar ainda mais.

O resultado manteve a Portuguesa com 10 pontos em 9 jogos, na 13ª posição, só não estando na zona do rebaixamento porque tem uma vitória a mais que o Juventus, que ficou no empate sem gols com o Rio Preto, e melhor saldo que o Barretos. A Lusa poderá perder ainda mais uma posição neste domingo. Para isso, basta o Barretos somar um ponto contra o Bragantino.

Publicidade

Cai o técnico

Com todos esses problemas, era de se esperar que sobrasse para o treinador. E foi o que aconteceu na manhã deste domingo (5), quando a Portuguesa emitiu uma nota informando o desligamento de Tuca Guimarães. Não há multa rescisória para nenhum dos lados. Em 11 jogos, entre Série A-2 e Copa do Brasil, o treinador obteve 4 vitórias, 1 empate e 6 derrotas. O ataque marcou 8 gols e a defesa sofreu 12. #Dança dos Técnicos #Paulistão