Os clubes cariocas não conseguiram derrubar a liminar que determina torcida única nos estádios em clássicos, e por isso, o Fla-Flu de domingo que decide a Taça Guanabara vai ter apenas torcedores do #Fluminense no Engenhão, que ganhou o sorteio para o mando de campo.

Vasco, Flamengo e Fluminense são contra torcida única nos estádios

Os três clubes alegam que torcida única empobrece o futebol e é uma decisão antidemocrática, enquanto Botafogo é a favor de uma torcida só nos estádios em dias de clássico. Aliás, o Botafogo hoje é o mantenedor do Engenhão, estádio palco da final de domingo, e ficou feliz da vida com a decisão.

Publicidade
Publicidade

Vale lembrar que o time da Estrela Solitária não tem a mínima intenção de deixar a torcida do #Flamengo entrar no Engenhão por conta da 'guerra do Twitter', quando ambos clubes trocaram farpas pela rede social.

Clubes prometem recorrer

Mesmo com a manutenção da liminar, Flamengo e Fluminense pretendem recorrer da decisão e esperam poder jogar a final da Taça Guanabara com o estádio dividido em 50%-50%. O grande problema é que os clubes lutam contra o tempo porque o Estatuto do Torcedor rege que os ingressos de qualquer partida precisam começar a ser vendidos sempre 72 horas antes do jogo. Assim, só os setores da torcida do Fluminense serão colocados à venda, setores Norte e Oeste.

Na semifinal, o jogo Vasco e Flamengo foi disputado com duas torcidas, mas foi realizado em Volta Redonda porque a PM carioca não garantia efetivo por conta do Carnaval.

Publicidade

Agora, como o Carnaval já virou acabou, a PM garante totais condições para que o Engenhão receba as duas torcidas.

Interessante que desde 2016 os clássicos do Campeonato Paulista são disputados no sistema de torcida única e este fato não causou tanta comoção como vem causando com os cariocas. Tanto clubes quanto torcedores - e até imprensa - estranharam um pouco a medida, mas todos concordaram que um clássico com torcida única é uma medida de segurança que tem que ser executada por conta da crescente violência entre as torcidas organizadas dos clubes paulistas.

De fato, clássicos com torcida única vêm recebendo públicos muitos maiores do que com torcidas mistas em São Paulo nos últimos anos. Aliás, há muitos anos os estádios deixaram de ser divididos 50%-50% entre as torcidas paulistas. Até 2016, a torcida visitante tinha apenas 5% da carga total de ingressos. #Vasco