Correndo sério risco de rebaixamento para a terceira divisão do futebol de São Paulo, a #Portuguesa, horas depois de oficializar a saída de Tuca Guimarães, anunciou que Estevam Soares será o treinador para a sequência da Série A2 do Campeonato Paulista. O treinador já havia dirigido a Lusa em duas oportunidades, a última no ano passado, quando foi demitido no meio da competição estadual.

“Voltar para um lugar pela quarta vez (uma foi como jogador) é sinônimo de reconhecimento e de que deixamos algo de positivo”, disse novo comandante, que se diz muito feliz por assumir este desafio. “Temos muito trabalho a ser feito e não faltará disposição da nossa parte”, completou.

Publicidade
Publicidade

E o desafio não será pequeno. Após três derrotas consecutivas, a última neste sábado (4), para o Capivariano, por 1 a 0, na Arena Capivari, a Portuguesa só não está na zona de rebaixamento na Série A-2 por conta dos critérios de desempate. Com 10 pontos em 9 partidas disputadas, estando em 13º lugar. O time ainda poderá perder mais um lugar na classificação, caso o Barretos some um ponto na terça-feira (7), contra o Bragantino.

Com a eliminação na Copa do Brasil, a Lusa terá apenas o Campeonato Brasileiro da Série D no segundo semestre. Se não conseguir o acesso, a o time ficará sem divisão nacional em 2018, a não ser que dispute e vença a Copa Paulista, também no segundo semestre.

Terceira vez

Como treinador, essa é a terceira passagem de Estevam Soares no Canindé. Entre 2008 e 2009 ele dirigiu o time em 17 partidas.

Publicidade

Retornou ao clube em 2015, quando quase devolveu a equipe à Série B do Campeonato Brasileiro, mas parou nas quartas de final da Série C. Dirigiu o time nas primeiras rodada da A-2 do ano passado, quando acabou demitido. Sua passagem como jogador foi no ano de 1982, quando fez 42 jogos e marcou um gol.

A estreia do novo técnico está marcada para o próximo sábado (11), quando irá até o estádio Nabi Abu Chedid, em Bragança Paulista, encarar o Bragantino. Na sequência, a Lusa terá pela frente o Rio Claro, dia 19, no estádio do Canindé. #Dança dos Técnicos #Paulistão