Neste sábado (08), aconteceu o evento esportivo para os amantes de artes marciais. O campeonato Sul-Americano de Jiu-Jitsu Esportivo 2017 (CBJJE), realizado no Ginásio do Ibirapuera, teve a presença dos atletas representantes do Grande ABC que entraram na competição com força e garra.

Publicidade

O sensei Ricardo Augusto Dembowski, de Santo André, campeão nas edições de 2006 e 2015 do Sul-Americano conquistou o Tri-Campeonato na categoria Faixa Preta Pesado Adulto (até 94 kg) e fez a torcida vibrar ao garantir o vice-campeonato na categoria Absoluto Faixa Preta Adulto..

Publicidade

Segundo Dembowski, o importante é ter determinação, treinar duro, focar no objetivo e é fundamental trabalhar corpo e mente para chegar no dia da competição relaxado, confiante e com toda garra para vencer. “Agradeço a Deus por estar comigo em minhas lutas. Ao meu pai por estar sempre ao meu lado, me apoiando. Obrigado aos meus amigos, familiares, alunos, às academias parceiras, lugares em que dou aula e faço minha preparação física. Fiquei muito feliz com o resultado, pois consegui soltar o jogo e fazer ótimas lutas”, afirma Ricardo.

Para quem acompanha e é fã de artes marciais, o Jiu-Jitsu é sem dúvida uma boa escolha para diminuir o stress, aumentar a autoestima, melhorar a capacidade cardiovascular, além de ajudar na perda de peso e definição do corpo, por ser um esporte com posições que trabalham movimentos de vários músculos..

Publicidade

O Jiu-Jitsu por trabalhar mais com técnica do que com força, não beneficia apenas o físico, como trabalha também a mente. Esse detalhe ajuda e muito na preparação e no momento de uma competição. Esse é o caso dos outros representantes do Grande ABC, que também fizeram bonito no campeonato.

Com esforço, concentração e #luta, o atleta Pedro Buchwitz, de São Bernardo do Campo, garantiu a prata em sua categoria, outro que conquistou o vice-campeonato da categoria Absoluto foi Yago Cabezas de Macedo, também de São Bernardo do Campo.

A região do Grande ABC pode comemorar mesmo, pois as medalhas não param por aí. Mais um grande destaque dessa edição do Sul-Americano foi o competidor Regis Gomes, que levou para casa, em São Bernardo do Campo, a medalha de prata em sua categoria.

A equipe da região impressiona pelas técnicas adquiridas com muito treino e preparo físico. Só que também chamam atenção pelo companheirismo e palavras positivas que um passa ao outro. O sensei Ricardo, tanto nos treinos diários quanto nas competições, sempre incentiva e motiva os seus alunos. “Eu agradeço ao esforço desses meninos. É muito bom ter alunos e amigos lutando do lado. Vocês estão de parabéns’, comenta o sensei.

Para quem esteve presente e pôde conferir de perto o campeonato, o momento foi gratificante. A torcida pôde sentir o que é realmente um espírito esportivo, e como é importante saber que força e paz trabalham juntas, basta apenas respeitar seu adversário. #Jiujitsu #artesmarciais