O Palmeiras surpreendeu de forma muito negativa neste domingo. Após passar da primeira e da segunda fase do #Campeonato Paulista como líder geral, o Verdão levou de 3 a 0 da Ponte Preta em Campinas. E por pouco não levou mais dois gols (Fernando Prass cometeu pênalti em Willian Pottker e o juiz não marcou).

O resultado deixou o torcedor bastante preocupado e abriu alguns precedentes. Será que Eduardo Baptista é técnico para comandar o #Palmeiras na Libertadores? As vitórias no fim contra Jorge Willsterman e Peñarol ocultaram a incapacidade do time? Ou foi somente um deslize culpa da desatenção? Muitas teorias vão surgir até sábado, dia do jogo da volta.

Publicidade
Publicidade

Ficou difícil, é verdade. A Ponte é a pedra no sapato do Palmeiras desde 2016. Campeão Brasileiro, o time de Cuca não venceu os campineiros nem fora e nem em casa. O estádio Moisés Lucarelli tornou-se um lugar assustador para a camisa verde.

Para se classificar, apenas um resultado por 3 a 0 e sem tomar gols. Ainda assim a disputa será nos penais. Para se classificar direto, o Palmeiras terá que fazer quatro gols e não sofrer nenhum. O que anima o torcedor palmeirense é o retrospecto de 2017. Em três oportunidades o placar aconteceu a favor do Alviverde: 4 a 1 contra a Ferroviária, 3 a 0 contra o São Paulo e 3 a 0 contra o Novorizontino.

Apenas três treinos

O técnico Eduardo Baptista resolveu dar dois dias de folga para os jogadores. A reapresentação está marcada para quarta-feira pela manhã.

Publicidade

Baptista deve primeiro ter uma conversa com o elenco para entender o que de fato aconteceu. O preparador físico Omar Feitosa e o volante Thiago Santos discutiram feio no banco de reservas e quase brigaram fisicamente. Um bate papo deve ocorrer entre os dois para aparar as arestas.

O Verdão terá três treinos para acertar o time. É provável que Michel Bastos inicie a partida, assim como o atacante Keno. Muitos torcedores nas redes sociais pediram essa alteração que já era estudada pela comissão técnica.

A preparação será encerrada na sexta-feira e sábado é o dia do jogo. 26 mil ingressos já foram vendidos de forma antecipada. Após o apito final em Campinas até o presente momento, 9 mil ingressos já foram vendidos. O palmeirense ainda acredita no placar que classifique o Verdão.

Na entrevistas no fim da partida, os jogadores entendem que ainda existe esperança para virar. O volante Felipe Melo falou sobre conversa e até brincou sobre 'tapa na bunda' dos companheiros para acordar. #Futebol