O #Santos jogou o último jogo contra o Santa Fé com um estilo diferente que o torcedor não está acostumado: jogar mais recuado e esperar o contra-ataque. Essa parece ter sido somente uma estratégia para sair da Colômbia com 1 ponto, já que Dorival Junior tem uma filosofia completamente oposta, que consiste em atacar, atacar e atacar.

O primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil acontece nessa quarta-feira, na Vila Belmiro, contra o Paysandu. Ou seja, o jogo de volta será fora de casa e por isso o Peixe precisa fazer o resultado em casa, para ir para o jogo em Belém com uma boa vantagem. O torcedor santista pode esperar um time muito mais ofensivo e buscando o gol a cada momento da partida.

Publicidade
Publicidade

O time de Ricardo Oliveira gostou da Copa do Brasil nesse momento. Já que foi eliminado pela Ponte Preta no Paulistão e só tem joga pela Libertadores no próximo mês, a equipe da Baixada Santista poderia perder o ritmo de jogo, já que ficaria muito tempo sem atuar.

A equipe conseguiu dois empates fora de casa pela Libertadores jogando de maneira mais recuada. O primeiro foi na estreia da fase de grupos, contra o Sporting Cristal, no Peru. O segundo já foi no último jogo, na terceira rodada, contra o Santa Fé.

A partida contra o Paysandu promete ser dura. O time adversário costuma dar trabalho aos seus adversários e tem uma grande torcida, que costuma empurrar o time. Dessa forma, no jogo na Vila o Santos terá que fazer gols e tomar muito cuidado para não levar, assim ir mais tranquilo para o jogo de volta.

Publicidade

A partida de volta contra o Paysandu vai acontecer somente no dia 10 de maio, em Belém, no estádio do Mangueirão.

Dorival Junior terá alguns problemas para os jogos na Copa do Brasil. A lateral esquerda vem sofrendo com jogadores lesionados. Zeca, titular absoluto passou por uma cirurgia no joelho e só volta daqui a 45 dias. Já Caju teve uma séria lesão e também desfalca a equipe por um longo tempo. Dessa forma, Jean Mota, que está improvisado na posição de lateral deve ganhar mais chances.

Na quarta-feira, contra o Paysandu, ele deve ser titular, mas Dorival deve colocar alguém na lateral, para ganhar ritmo de jogo para o duelo de volta pela Libertadores, contra o Santa Fé, no Pacaembu. Vale lembrar que Jean levou vermelho no jogo na Colômbia e cumpre suspensão automática na Libertadores. A diretoria não deve contratar um novo lateral para essa temporada e Dorival tem que achar no elenco bons nomes para posição. #Esporte #Futebol