Até esse sábado (22), o #Vasco não sabia o que era perder desde a chegada de Milton Mendes. O treinador colocou uma nova ideologia no clube e demonstrou evolução em vários aspectos que Cristóvão Borges, antigo treinador, deixava a desejar. A equipe jogou no Maracanã longe da sua capacidade total contra o Fluminense para buscar uma vaga na final do Campeonato Carioca, mas velhos erros voltaram a assombrar o Vasco, que acabou deixando o campo sem a vaga e com 3 gols na conta.

Rodrigo, um dos atletas mais experientes da equipe, lamentou o que foi, na sua visão, um dos motivos para a queda da equipe no Campeonato Estadual.

"Erramos com a bola parada.

Publicidade
Publicidade

Essa era uma questão que estávamos conseguindo eliminar na equipe adversária. Os erros custaram caro e acabamos perdendo a vaga", afirmou o defensor após o término da partida.

Com Milton Mendes, o Vasco ajeitou a sua defesa, que era muito vazada quando treinada por Cristóvão Borges. Mas a equipe que precisava vencer, acabou errando vários passes na segunda etapa e deixou espaço para o Fluminense abrir o placar. Pronto, depois do primeiro gol, tudo se desmoronou de vez para o Cruz-Maltino.

Agora a equipe terá que levantar a cabeça e tentar corrigir os seus erros para começar o Campeonato Brasileiro da melhor forma possível. A equipe vai ficar muitos dias sem atuar porque foi eliminado da Copa do Brasil na terceira fase.

"Esse é o momento de Milton Mendes passar uma palavra de conforto e ele fez isso.

Publicidade

Precisamos agir, trabalhar e nos acertar nesse período sem atuar. Temos o Brasileirão pela frente, uma competição muito importante", completou o zagueiro vascaíno.

Rodrigo fez uma partida regular. Ele teve uma incrível chance de abrir o placar, mas acabou desperdiçando a chance. Ele conseguiu anular os principais nomes do ataque do Fluminense durante o primeiro tempo, mas não houve consistência na segunda etapa e assim a equipe de Abel Braga conseguiu marcar os seus gols e se garantir na final do estadual.

Rafael Marques, o seu companheiro de defesa, também não teve uma boa noite. O Fluminense conseguiu atacar pelos lados e cruzou muitas bolas, que chegaram com perigo ao gol de Martín Silva. No geral, a defesa vascaína errou em alguns momentos e deixou espaço para que o ataque da equipe adversária pudesse fazer os seus gols.

Agora são semanas sem jogar. Vasco terá vários dias para pensar na derrota e conseguir se reerguer até o início do Brasileirão, quer será no dia 14 de maio, contra o Palmeiras. #Esporte #Futebol