O projeto independente denominado de “A Era do Peixinho” será um documentário que irá relatar a evolução, popularização e a história do voleibol brasileiro. Atualmente, o segundo esporte mais apoiado e adorado do Brasil, atrás apenas do futebol, é extremamente visível tanto no gênero feminino quanto no masculino, os quais somam títulos a nível olímpico e mundial.

Sendo mais exato, são seis medalhas olímpicas para o lado masculino: três de ouro e três de prata; e em Liga Mundial são 19 medalhas (9 de ouro, 6 de prata e 4 de bronze). Já a seleção feminina soma quatro medalhas em Olimpíadas: duas de ouro e duas de bronze. No Grand Prix, campeonato oficial organizado pela Federação Internacional de #voleibol (FIVB), o Brasil é o país com mais títulos: são 11 medalhas de ouro.

Publicidade
Publicidade

A evolução desse esporte já abraçado pela sociedade brasileira também tem grande espaço na mídia, graças a seus campeonatos nacionais como, por exemplo, a tão prestigiada Superliga de Voleibol, que, há alguns anos, já tem espaço tanto em canais de televisão pagos, como também na televisão aberta.

Este documentário tem como objetivo, trazer todas as lacunas que não são relatadas sobre essa modalidade em específico. Contando com entrevistas dos grandes nomes do voleibol. Parte desses relatos serão feitos agora, no mês de maio, em São Paulo, e também no mês de junho nas cidades do Rio de Janeiro e de Saquarema (local onde está instalado o centro de treinamento das Seleções Femininas e Masculinas).

A captação do material para a produção do filme já está ocorrendo, através dos jogos da SuperLiga feminina e masculina de voleibol, temporada 2016/#2017.

Publicidade

Com entrevistas, fotos, conversas para melhor entendimento da área de atuação e contato direto com os principais envolvidos nesse esporte.

Para a formação de um filme com esses propósitos é necessário tempo e persistência em conseguir todos os relatos e imagens essenciais que darão o aspecto da realidade, o qual deve-se transmitir àqueles interessados no assunto.

O público-alvo desse projeto, além das pessoas envolvidas com o voleibol brasileiro, são todos que praticam, gostam ou se identificam com outros esportes. Também podemos indicar esse filme para quem gosta de histórias inspiradoras.

O filme tem como ambição ser lançado no início do ano de 2018. Promete aos amantes de esporte e principalmente do voleibol grandes emoções e curiosidades sobre esse esporte que já tem grande espaço na vida dos brasileiros. #Vôlei