A festa pela conquista do acesso para a primeira divisão do Campeonato Cearense pelo Esporte Clube Floresta terminou em tragédia na noite do último sábado (13). Horas após o time empatar em 1 a 1 com o Aliança – havia vencido o primeiro jogo por 4 a 0 – e garantir vaga na final da segunda divisão estadual e consequentemente um lugar na elite estadual, o goleiro Alisson Mateus, de apenas 17 anos, foi assassinado a tiros. Outro jogador do clube também foi baleado, mas não corre risco de morte. O caso ocorreu próximo ao estádio Felipe Santigo, centro de treinamento do clube.

De acordo com informações da Segundo a Secretaria da Segurança Pública, os jogadores foram baleados quando passavam de carro pela Rua São Lázero.

Publicidade
Publicidade

O goleiro levou um tiro na cabeça e outro no ombro. Ele chegou a ser socorrido e levado para um hospital, onde acabou não resistindo aos ferimentos e faleceu. Já Felipe Gustavo também foi baleado, mas de raspão. Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa fará a investigação do caso. Até o momento nenhuma pessoa foi presa.

O supervisor do Floresta, Everardo Alves de Sousa, disse que os jogadores sofreram uma tentativa de assalto quando estavam chegando ao local da comemoração. Ele relatou que o goleiro vinha de carro e Felipe em uma moto quando dois homens armados ordenaram que eles parassem, mas antes que a ordem fosse obedecida passaram a atirar.

O corpo de Alisson foi levado para Salvador, lugar onde morava e será enterrado. Já Felipe Gustavo passa bem e não corre risco de perder a vida.

Publicidade

O time deverá fazer uma homenagem ao jogador antes da final da Série B. Na outra semifinal, ocorrida neste domingo (14), entre Iguatu e Maracanã, foi prestado um minuto de silêncio.

Adversário definido

O Iguatu será o adversário do Floresta na decisão da segunda divisão do Campeonato Cearense. Neste domingo o time goleou o Maracanã por 4 a 0, garantindo vaga na decisão e também um lugar na primeira divisão do ano que vem. No jogo de ida, a equipe já havia vencido por 2 a 1. O time jogará entre os grandes clubes do estado pela primeira vez em sua história.

Otacílio Marcos e Ciro abriram boa vantagem ainda no primeiro tempo. O placar foi completado por Otacílio Neto na etapa complementar. O placar só não foi mais elástico porque o goleiro Rafael ainda defendeu uma penalidade batida por Hélio. A final da segunda divisão, chamada de Série B, será disputada em jogo único, no próximo sábado (20), em Iguatu. #Ceara #FutebolBrasileiro #Violência