O Palmeiras tem um elenco recheado de bons jogadores. Além da 'espinha dorsal' de 2016 que sagrou-se campeã nacional, o #Palmeiras ainda confirmou a chegada de atletas como Miguel Borja, Alejandro Guerra, Felipe Melo e Michel Bastos. Com um grupo potencialmente forte e grande, a chance para alguns jogadores caiu drasticamente.

A troca no comando técnico do time também foi importante para algumas mudanças acontecerem. Eduardo Baptista, que veio da Ponte Preta em dezembro, não ficou muito tempo no clube e, após perder para o Jorge Willsterman por 3 a 2, foi demitido. A pressão em cima de Maurício Galiotte, presidente, foi demasiada.

Publicidade
Publicidade

Ele decidiu pela saída do treinador.

Cuca era a primeira opção. O treinador que foi Campeão em 2016 optou por se afastar do futebol para cuidar de problemas particulares. Galiotte e Alexandre Mattos conversaram diretamente com Cuca após a demissão de Baptista, e ele aceitou retornar. O treinador ganhou luvas de R$ 1,5 milhão, pagas pela Crefisa, atual patrocinadora.

Assim que chegou, Cuca teve que comandar algumas mudanças estruturais no departamento. Além disso autorizou algumas negociações. Os atacantes Rafael Marques e Alecsandro, por exemplo, foram negociados com Cruzeiro e Coritiba, respectivamente. Outro jogador que Cuca autorizou sair foi Lucas Taylor. O lateral-direito, revelado na base, retornou após pedido de Baptista. Dias depois o técnico foi demitido.

Taylor disputou o Campeonato Paulista pelo Red Bull.

Publicidade

A ideia do ex-treinador do Palmeiras era contar com mais uma opção para o setor. Porém o clube contratou Mayke, do Cruzeiro, que foi envolvido no negócio com Rafael Marques. O jovem atleta então seria a quarta opção para Cuca.

No treino desta segunda-feira (22), ele nem foi à campo. Jean foi titular, Fabiano reserva e Mayke correu para aprimorar a parte física. O Palmeiras já admitiu que deve realizar um novo empréstimo. O destino de Taylor, por enquanto, não foi definido.

Vitória na Libertadores

Nesta quarta-feira (24) o Palmeiras tem duelo importante pela Copa Libertadores 2017. O jogo contra o Atlético Tucumán, no Allianz Parque, pode marcar a passagem para a fase de mata mata da competição. Para confirmar a classificação, o Verdão pode até perder por 1 gol de diferença. Se perder por dois ou mais gols, quem avança são os argentinos.

Cuca já fala nos bastidores que esse é o jogo mais importante do semestre. Se garantir a classificação, a paz e a tranquilidade voltarão à reinar pelos lados do Palestra Itália. #Mercado #Futebol