Que o clima não anda nada bom no São Paulo após as últimas eliminações e a estreia no Campeonato Brasileiro com derrota para o Cruzeiro, por 1 a 0, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, não é segredo pra ninguém. No entanto, nesta terça-feira (16), o comentarista da ESPN Brasil Alexandre Oliveira trouxe uma informação de bastidores que mostra que a situação pode ser ainda mais pesada. Na abertura do programa Bate-Bola Debate, o comentarista disse que após eliminação do São Paulo na Copa Sul-Americana, para o Defensa y Justiça, houve uma discussão forte entre Rogério Ceni e Cícero.

Segundo informações, o treinador teria entrado no vestiário bastante exaltado e segurando uma prancheta teria dito “pra que serve isso, pra que a gente treina tanto”, em seguida atirado o objeto ao chão, que ricocheteou e pegou no jogador, que não gostou e teve inicio então um bate-boca e outras pessoas tiveram que intervir.

Publicidade
Publicidade

Alê acredita que esse seja o real motivo para que o jogador não tenha ido para o jogo no Mineirão. A razão alegada pela comissão técnica pela ausência foi gripe. Ele diz ainda que parece que não foi a única rusga no time do São Paulo.

Em defesa do treinador

Em coletiva realizada nesta segunda-feira (15), o zagueiro Rodrigo Caio disse que após as três eliminações o time perdeu confiança, mas saiu em defesa do técnico #Rogério Ceni. Ele afirmou que todos se respeitam e que o treinador tem o apoio total do grupo. Ela acredita que o ponto da virada será uma vitória contra o Avaí, na próxima segunda-feira (22), no Morumbi, e também uma vitória no clássico contra o Palmeiras, pela terceira rodada, também no Morumbi, será importante para recuperar a torcida. “Precisamos da primeira vitória”, disse o jogador.

Publicidade

De saída

Após a saída do zagueiro Breno, que foi por empréstimo para o Vasco, o atacante Neílton está próximo de também deixar o Morumbi. Emprestado pelo Cruzeiro, em troca de Hudson, até o final do ano, o jogador poderá retornar à equipe mineira para a sequencia do #Brasileirão. Bahia e Botafogo também podem ser o destino do atleta de 23 anos, que neste ano fez apenas 9 jogos com a camisa do Tricolor. Sua última partida foi no empate contra o Defensa y Justiça, a qual teve atuação bastante apagada. Ele tem sido alvo de muitas críticas dos torcedores.

O São Paulo volta a jogar pelo Campeonato Brasileiro apenas na próxima segunda-feira (22), quando recebe o Avaí, às 20 horas, no estádio do Morumbi. #São Paulo FC