Dado como certo no #Real Madrid, a venda de Vinicius Júnior para o clube espanhol significará um impacto violento (positivamente falando) nas finanças do Flamengo. A joia deverá ser negociada por 45 milhões de euros ou 153 milhões de reais pela cotação atual. Para ter noção do que isso representa, esse valor equivale a 32% do que foi arrecadado pelo rubro-negro em 2016, levando em conta todas as receitas do clube, ou 26% da dívida total, avaliada no ano passado em 578 milhões de reais.

Pelos lados do Real, a aquisição do atleta também significará uma mordida grande em seu orçamento anual. A consultoria Deloitte fez um levantamento e constatou que os merengues faturaram na temporada passada 625 milhões de euros.

Publicidade
Publicidade

Sem contar salários, o jogador representaria um investimento de 7% desse montante ou 35% que o clube arrecada com a venda de ingressos e produtos comercializados no Santiago Bernabéu.

O mais caro

A transferência para o Real Madrid fará de Vinicius Júnior o jogador com menos de 19 anos mais caro da história do futebol. Antes dele, o lateral Luke Shaw se transferiu para o Manchester United por 37 milhões e meio de euros. Caso vá para a Espanha com 19 anos já completados, ele passa a ser o segundo atleta mais caro com essa idade, só ficando atrás de Anthony Martial, que também foi para os Diabos Vermelhos por 60 milhões de euros.

Destaque na imprensa espanhola

No último sábado (13), diante do Atlético Mineiro, no Maracanã, finalmente Vinícius Júnior fez sua estreia no time profissional do #Flamengo.

Publicidade

Apesar de ter entrado apenas aos 37 minutos do segundo tempo, a atuação do jogador foi destaque na imprensa espanhola, que vem acompanhando seus passos.

O jornal Marca, da cidade de Madrid, destacou que a jovem promessa segue queimando etapas em sua carreira futebolística. Já o diário AS, também da capital da Espanha, publicou que o jogador esteve muito participativo nos 10 minutos que esteve em campo, mas pouco acertou. El Mundo Deportivo, que circula na Catalunha, classificou o jogador já como sendo um “merengue”. Vale lembrar que o Barcelona também demonstrou interesse em conta com o futebol da jovem promessa.

A estreia no time de cima foi muito celebrada pelo jogador, apesar de pouco tempo em campo, cerca de 12 minutos, já contando os acréscimos. Ele disse estar muito feliz com o reconhecimento da torcida e aproveitou para dar um abraço em Robinho, que foi seu ídolo na infância, mas neste sábado era adversário. #Vinícius Jr.