O Flamengo tem se reforçado com nomes de peso nas últimas semanas e isso significa um grande impacto na folha salarial do clube. Com as chegadas de Éverton Ribeiro e Rhodolfo, a estreia de Conca – que passaria a receber somente após que entrasse em campo, já que se recuperava de lesão -, e a possível vinda de Geuvânio, o Rubro-Negro terá uma das folhas mais altas do futebol brasileiro, ultrapassando a marca de R$ 9 milhões mensais. Antes, era de R$ 7,5 milhões. As informações são do site Globo Esporte.

No primeiro semestre, alguns jogadores, como Émerson Sheik, Marcelo Cirino e Paulo Vitor, deixaram o clube, que provocou uma redução na folha, que agora voltou a subir após a chegada dos reforços.

Publicidade
Publicidade

Se confirmada a vinda do ex-santista Geuvânio, o elenco de Zé Ricardo contará com 35 atletas.

Ter um banco de reservas com várias opções será fundamental para a equipe, que no segundo semestre, além do Campeonato Brasileiro, terá ainda a Copa Sul-Americana e também a sequencia da Copa do Brasil.

Pulou fora

O colombiano Cuéllar, por enquanto, seguirá no time do #Flamengo. Especulado na última semana como um possível reforço do Vitória, o negócio esfriou após o time baiano não informar quanto pretendia pagar pelo empréstimo.

O pensamento da diretoria flamenguista é não liberar jogadores por valores que não sejam interessantes para o clube, pois a intenção é recuperar o investimento feito. Cuéllar, inclusive, deverá ser titular na partida de domingo (18), contra o Fluminense.

Sub 20

Apesar de investir pesado em contratações e medalhões, o Flamengo não deixa de ter uma ótima base.

Publicidade

Prova disso foi a recente negociação de Vinícius Júnior com o Real Madrid por 45 milhões de euros (R$ 164,5 milhões).

E o time segue garimpando novas joias. Nesta sexta-feira (16), às 16 horas, na Ilha do Urubu, o Rubro-Negro recebe o Atlético Mineiro pela partida de volta da Copa do Brasil Sub 20.

Após empate no Estádio Independência em 1 a 1, o Rubro-Negro joga por um empate sem gols para faturar o título. Para este jogo, o técnico Gilmar Popoca terá as voltas de Vinicius Souza e Michael, que estavam com a Seleção Brasileira da categoria. Por outro lado, João Pedro, suspenso, e os lesionados Dener e Hugo Moura estão fora da decisão.

Assim, a equipe deverá começar a partida a partida com Gabriel Batista no gol, a defesa formada por Kléber, Bernardo, Rafael e Moraes. No meio, Theo, Jean Lucas e Patrick. Na frente, Lucas Silva, Gabriel Silva e Loran. #Mercado da bola #Brasileirão