O Santos apresentou, nesta quinta-feira (8), mais um reforço para a temporada. Revelado pelas categorias de base do Corinthians e artilheiro da Copa São Paulo de Futebol Júnior em 2015, o meia Matheus Cassini assinou contato até o final do ano com o Peixe, com opção de renovação por mais três temporadas.

O jogador, que estava na Ponte Preta, também acumula passagens por Palermo e Siracusa, ambos da Itália, além do Inter Zapresic, da Croácia. Inicialmente, ele irá integrar a equipe do B do #Santos, dirigida por Kleiton Lima, que irá disputar a Copa Paulista no segundo semestre.

Na Copa Paulista, o Santos estreia no dia 1º de julho, no Estádio Anacleto Campanella, contra o São Caetano.

Publicidade
Publicidade

O Peixe está no grupo 3, que ainda conta com Portuguesa Santista, Portuguesa, Juventus, Água Santa, Taubaté e Nacional.

Voltou aos treinos

Se recuperando de um estiramento muscular sofrido na partida da segunda rodada contra o Coritiba, o camisa 10 Lucas Lima treinou normalmente nesta quinta-feira (8), no CT Rei Pelé. No entanto, o jogador ainda será desfalque para a partida deste domingo (11), no Paraná, contra o Atlético.

A comissão técnica prevê que seu retorno se dê no clássico contra o Palmeiras, marcado para a próxima quarta-feira (14), na Vila Belmiro. Dessa forma, o argentino Vecchio, que voltou ao time após a demissão de Dorival Júnior e foi titular na partida diante do Botafogo, ganhará nova oportunidade no time dirigido por Elano, que novamente dirigirá a equipe. Recém-contratado, Levir Culpi só começará a trabalhar a partir da próxima segunda-feira (12).

Publicidade

Para o duelo contra o Furacão, Elano poderá terá duas baixas e um retorno. O lateral Zeca, com inflamação na panturrilha, e o atacante Ricardo Oliveira, com dores no tornozelo, não treinaram, mas podem aparecer no jogo de domingo. Suspenso no jogo contra o Botafogo, o atacante Bruno Henrique deverá voltar ao time titular, ocupando o lugar de Arthur Gomes.

Fez as pazes

A vitória por 1 a 0 diante do Botafogo, no Pacaembu, amenizou um pouco a semana conturbada vivida pelo Santos, que teve a demissão de Dorival Júnior e protesto de torcedores. Autor do gol da vitória, Victor Ferraz acredita que o resultado foi importante para fazer as pazes com o torcedor e agradar aqueles que foram ao estádio acompanhar a partida.

Apesar do resultado positivo, o defensor lembra que os jogadores estão se cobrando, existe muito a ser melhorado e a chegada de Levir Culpi servirá para o time conseguir vencer e jogar bem. “Estamos correndo atrás do melhor nível de jogo e todos podem dar um pouco mais”, disse o jogador. #Corinthians #Mercado da bola