O São Paulo e o meia-atacante Maicossuel, do Atlético-MG, acertaram salários. O jogador deve rescindir contrato com o Galo nesta terça e será anunciado oficialmente como novo reforço da equipe comandada por Rogério Ceni.

De acordo com o Globoesporte.com, o empresário do atleta, Lê, se reuniu com o diretor executivo do São Paulo, Vinicius Pinotti, e houve acordo salarial para que #Maicossuel defenda o Tricolor.

Segundo o portal de notícias de esportes, a rescisão do contrato que o meia tem com o Atlético-MG será assinada nesta terça e o jogador ficará livre para viajar para a capital paulista, fazer exames médicos e assinar com o São Paulo.

Publicidade
Publicidade

O contrato entre o clube paulista e o jogador será de três anos e o Tricolor desembolsará R$ 3,6 milhões. O dinheiro para a negociação virá da venda de Luiz Araújo.

O jogador foi negociado com o Lille, da França, por R$ 38 milhões. O São Paulo ficaria com 70% do valor e o Mirassol, com 30%. Após conversas entre os dois clubes, o São Paulo vai ficar com 80%, totalizando R$ 30,6 milhões. Com esse dinheiro a mais em caixa, o Tricolor pode investir na contratação do jogador de 31 anos.

Maicossuel

O meia-atacante surgiu para o mundo do futebol em 2005, quando foi contratado pelo Paraná Clube depois de se destacar no Atlético Sorocaba. No Tricolor paranaense, o jogador foi o destaque do título estadual de 2006 e da ótima campanha no Brasileirão do mesmo ano que deu ao Paraná a vaga para a Copa Libertadores da América.

Publicidade

Aos 19 anos, rápido e habilidoso, Maicossuel passou a ser chamado de Maicoshow pela torcida do Paraná. De lá, o meia-atacante foi para o Cruzeiro, mas não se firmou.

Em 2008, foi contratado pelo Desportivo Brasil e emprestado ao Palmeiras. No ano seguinte seguiu, também por empréstimo, para o Botafogo. Foi bem no clube carioca e acabou contratado pelo Hoffenheim, da Alemanha.

Em 2010, retornou ao Botafogo, onde ficou dois anos. De lá, rumou para a Udinese, da Itália, e retornou ao Brasil em 2014 para defender o Atlético-MG e conquistou a Copa do Brasil daquele ano.

Em 2015 e 2016, esteve emprestado ao Al Sharjah, dos Emirados Árabes Unidos. Retornou ao Galo e foi bem no Brasileirão do ano passado. No Atlético, conquistou, além da Copa do Brasil, uma Recopa Sul-Americana, em 2014, e dois estaduais, em 2015 e 2016. Se a ida ao São Paulo for confirmada, o jogador tem grande chance de se tornar titular do time comandado por Rogério Ceni, assumindo uma função parecida com a que se espera de Wellington Nem, contundido, E Neilton, hoje no vitória depois de cinco meses no Tricolor. #São Paulo FC #Mercado da bola