A espera vai chegando ao fim nas Laranjeiras. Em reunião do Conselho Deliberativo na noite desta terça-feira (20), acontecida no Salão Nobre de Álvaro Chaves, foram apresentados os modelos de uniforme fabricados pela Under Armour para vestir o Fluminense a partir da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, quando enfrenta, no dia 22 de julho, às 16h (de Brasília), no Maracanã, o Corinthians.

A torcida só terá o primeiro contato com a nova "armadura" no dia do aniversário do clube (21 de julho), mas, segundo informações de bastidores, a camisa nº 1, a tradicional tricolor, é idêntica a utilizada pela histórica Máquina bicampeã carioca de 1975 e 1976, que tinha vários jogadores renomados do futebol mundial, dentre eles, Roberto Rivellino.

Publicidade
Publicidade

Já a camisa branca adotou um modelo mais simples. Nela, terá apenas o escudo do Fluminense, o logotipo da Under Armour e o número na cor verde. Não há a borda verde nas mangas das camisas.

Os uniformes exclusivos para a venda custarão R$ 245. Já os materiais oficiais usados nos jogos da equipe profissional sairão a R$ 349. Esses preços são idênticos aos adotados pelo São Paulo, outro parceiro da Under Armour.

Depois de muita negociação, o acordo entre Fluminense e a empresa norte-americana Under Armour foi sacramentado no último 20 de fevereiro. De acordo com esse vínculo, exclusiva no Rio de Janeiro, o Tricolor ganhará mais com os royalties de venda do que propriamente com o patrocínio em si, algo inédito dentro do mercado esportivo.

"Assinamos por três anos. Estou muito feliz e animado.

Publicidade

Tenho certeza que o torcedor estava esperando essa resposta", declarou o presidente do clube, Pedro Abad, quando houve a confirmação oficial da Under Armour, substituindo, naquela época, a canadense Dryworld.

Além do grupo principal, as categorias de base do futebol, o futsal e os demais esportes olímpicos terão seus uniformes confeccionados pela Under Armour.

Ainda vestindo a Dryworld, o #Fluminense se prepara para dois importantes compromissos seguidos no Brasileirão, ambos fora de casa. Na quarta, às 21h45 (de Brasília), irá até o estádio da Ressacada, em Florianópolis, para encarar o Avaí. No domingo, a partir das 16h (de Brasília), o desafio será no Morumbi, contra o São Paulo.

Há quatro jogos sem saber o que é uma vitória e vindo de um empate de 2 a 2 com o Flamengo no clássico do último domingo, no Maracanã, o Flu está no 10º lugar com onze pontos e necessita vencer para não se afastar do G-6 do Campeonato Brasileiro. #Mercado da bola #PaixãoPorFutebol