Segue internado em um hospital de São Paulo, o presidente do #Bragantino, Marco Chedid. O mandatário do clube de Bragança Paulista, que joga a Série C do Campeonato Brasileiro, foi baleado na tarde desta quinta-feira (15), durante uma tentativa de assalto, no bairro Perdizes, em São Paulo. Ele levou um tiro no pescoço e seu estado de saúde é considerado estável e ele não corre o risco de morrer.

Segundo Luiz Arthur Chedid, filho do presidente do Braga, seu pai havia parado em um semáforo na Avenida Sumaré quando foi abordado por dois elementos em uma moto, que lhe ordenaram que entregasse a carteira. Marco fez o que os homens queriam, mesmo assim levou o tiro.

Publicidade
Publicidade

Os criminosos fugiram sem levar nada.

Marco, de 59 anos, foi levando para o Hospital Samaritano e, segundo relato de familiares, terá que passar por cirurgia para cauterização do ferimento. Depois, passará por um segundo procedimento cirúrgico para a retirada da bala, que ficou alojada no pescoço, mas não atingiu nenhum órgão vital.

O Bragantino emitiu um comunicado oficial relatando o ocorrido e agradecendo as mensagens de apoio. O 91º Distrito Policial em São Paulo foi onde a ocorrência foi registrada e até o momento nenhum suspeito foi preso.

Marquinhos Chedid, como também é conhecido, antes de ser presidente do Massa Bruta também foi mandatário da Ponte Preta e do extinto Novorizontino. No time de Bragança Paulista está no cargo desde 1998. Também seguiu carreira politica, sendo vereador por Campinas, deputado federal e senador.

Publicidade

No campo

Em quarto lugar no grupo B do Campeonato Brasileiro da Série C, com 8 pontos em 5 jogos, o Bragantino volta a jogar pela competição neste sábado (17), quando vai até a cidade mineira de Tombos encarar o Tombense. Há 3 jogos sem perder, o Massa Bruta vem de um empate em casa contra o líder Volta Redonda em 1 a 1.

Para o lateral-direito Bruno Oliveira o time, mesmo jogando no campo do adversário, não deve fugir das suas características e imprimir seu ritmo. O jogador avaliou que depois da derrota contra o Macaé a equipe evoluiu bastante no campeonato e tem feito bons jogos.

Quanto ao adversário, o lateral disse o time já viu alguns jogos dele em DVD, que se trata de uma equipe qualificada, mas ele acredita que possa voltar de Minas Gerais com um bom resultado. Apesar de estar dentro da zona de classificação, um resultado negativo poderá levar a equipe do interior de São Paulo para a zona de rebaixamento. #Violência #Polícia