#Coritiba e #Palmeiras fazem nesta quarta-feira (7), às 19h30, no estádio Couto Pereira, na capital paranaense, o duelo verde válido pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O Coxa vem embalado pela vitória no clássico contra o Atlético e pode, mesmo que por algumas horas, alcançar a liderança isolada da competição. Já o Palmeiras, que sofrerá com vários desfalques, quer quebrar a sequência de três jogos sem vitória no torneio nacional.

Sem problemas para escalar o time, o técnico Pachequinho manterá a formação que derrotou o Furacão no último sábado, porém, o treinador terá como opção trocar Neto Berola por Rildo. O lateral-direito Rodrigo Ramos e o meia Anderson, entregues ao departamento médico, ainda seguem fora de combate.

Publicidade
Publicidade

A formação que entrará em campo para desafiar o atual campeão brasileiro deverá ter Wilson no gol, Dodô na lateral direita e William Matheus na esquerda. A dupla de zaga deverá ter Werley e Márcio. Alan Santos, Matheus Galdezani e Tomas Bastos deverão fazer o meio de campo. Na frente Henrique Almeida, Neto Berola ou Rildo e Kleber Gladiador.

No Palmeiras, que terá alguns desfalques entre jogadores que estão servindo suas seleções e poupados, a grande dúvida fica por conta se o volante Felipe Melo voltará ao time titular ou seguirá como opção no banco de reservas, a exemplo do que ocorreu no empate sem gols, contra o Atlético Mineiro, no domingo passado. Em recuperação física, Jean e Edu Dracena nem viajaram para o Paraná, ficando em São Paulo, assim como Guerra, que mesmo conseguindo dispensa da seleção venezuelana, também ficará de fora.

Publicidade

Já o zagueiro Yerry Mina está com o time da Colômbia e deverá ser substituído por Juninho. Antônio Carlos ou Luan ficarão com a outra vaga na zaga.

Com isso, o time escalado por Cuca deverá ter mais uma vez Fernando Prass no gol, Mayke e Egídio nas laterais, Antônio Carlos (ou Luan) e Juninho na zaga. No meio, Thiago Santos e Tchê Tchê, com Raphael Veiga, Hyoran e Felipe Melo podendo completar o trio. Na frente Róger Guedes (ou Michel Bastos), Keno e Willian.

Tabu de 20 anos

O Couto Pereira traz boas e más recordações ao Palmeiras. Foi lá que o time conquistou o bicampeonato da Copa do Brasil em 2012, mas também foi goleado por 6 a 0 um ano antes, em jogo também pela Copa do Brasil. O Verdão não vence o Coxa no Couto Pereira desde 1997, isso contando todas as competições. Pelo #Brasileirão o último trunfo palmeirense foi em 1989.