A atual diretoria do Fluminense reclamou da forma como o Palmeiras seduziu Richarlison para tirar o atacante das Laranjeiras rumo ao Palestra Itália. No entanto, de acordo com o site Uol Esporte, por intermédio do colunista Rodrigo Mattos, o clube carioca teria se beneficiado do mesmo artifício quando acertou a vinda do jogador do América-MG.

Segundo o portal, no final de 2015, o Tricolor demonstrou interesse na contratação de Richarlison junto ao América-MG, mas a equipe mineira, confiando em uma valorização do centroavante e, por consequência, o surgimento de uma proposta do exterior, dificultava a negociação a todo momento.

Publicidade
Publicidade

Essa situação só mudou quando Reinaldo Velasco, responsável por gerenciar a carreira de Richarlison até hoje, trouxe o jogador para o Rio e, ao mesmo tempo, apresentou uma oferta de R$ 10 milhões do #Fluminense por 50% dos direitos federativos do atleta. Percebendo a vontade do atleta em vir para a "Cidade Maravilhosa", a direção o Coelho não teve outra saída e liberou o jogador.

Através de nota publicada na última terça no site oficial da agremiação, a assessoria de imprensa do Fluminense informou que a atual gestão trabalha baseado na ética, além de desconhecer tal fato. Curiosamente, o agora presidente Pedro Abad respondia pelo Conselho Fiscal no período em que a agremiação era gerida por Peter Siemsen.

Para contratar Richarlison, o Palmeiras, inicialmente, propôs 11 milhões de euros (cerca de R$ 40 milhões).

Publicidade

O Fluminense, por sua vez, descartou esta oferta. OAlviverde Paulista não desistiu e aumentou a oferta para 12 milhões de euros, aproximadamente R$ 45 milhões. Além disso, foi apresentada uma lista de quatro jogadores para o Tricolor escolher dois possíveis reforços. Os cariocas, porém, mantiveram-se irredutíveis.

Natural de Venécia, interior do Espírito Santo, Richarlison tem 20 anos e já disputou 56 partidas pelo Fluminense, marcando 15 gols. Nas Laranjeiras, conquistou a edição inaugural da Copa da Primeira Liga, em 2016. Tem vínculo com o clube até 2020.

Com Richarlison garantido pelo próprio técnico Abel Braga, o Fluminense entrará em campo nesta quinta, às 21h (de Brasília), no Maracanã, para encarar o Grêmio pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Somando, até o momento, dez pontos, o Tricolor ocupa o sétimo lugar, mas se vencer pode subir até a terceira posição no certame mais importante do futebol nacional. #Mercado da bola #PaixãoPorFutebol