Após o empate em 1 a 1 com o Cruzeiro, no Rio de Janeiro, em partida válida pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, o técnico Abel Braga disse que foi sondado para assumir o comando do Atlético Mineiro, que horas antes havia demitido Róger Machado. [VIDEO]

Segundo o treinador do Tricolor, “amigos” teriam lhe perguntado se poderia assumir o time mineiro, o que foi prontamente descartado. “Me ligaram alguns amigos para falar sobre o Atlético-MG. Só isso. E ligaram já sabendo da minha posição”, disse o técnico, lembrando que tem contrato com o time das Laranjeiras. “Não estou disponível no mercado”, disse.

Abel ainda lamentou a demissão de Roger no meio do campeonato, ainda mais em meio a disputa da Copa do Brasil e da Libertadores.

Publicidade
Publicidade

O atual treinador do Fluminense já trabalhou no Galo em 2001, quando fez apenas 24 jogos, vencendo metade deles, tendo ainda outo empates e quatro derrotas.

Um dos nomes mais fortes para assumir o Atlético Mineiro é o de Rogério Micale, técnico que levou a Seleção Brasileira a conquistar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, há quase um ano. Outro nome que está disponível no mercado é o de Vagner Mancini, recentemente demitido da Chapecoense. O presidente do Atlético Daniel Nepomuceno pediu um tempo para anunciar o novo comandante.

Recuperar força em casa

Em temporadas passadas encarar o Atlético Mineiro no estádio Independência era uma tarefa árdua para os adversários, que em raras oportunidades conseguiam sair do Horto com algum ponto na bagagem. Neste ano a situação é totalmente diferente e no atual Campeonato Brasileiro o time já perdeu quatro partidas em casa e empatou outras duas.

Publicidade

E resgatar a força do Galo dentro de seus domínios será a principal tarefa do técnico que for escolhido para o lugar de Roger Machado, pelo menos é o que disse presidente Nepomuceno. “Quem vier, terá de recuperar a confiança dos torcedores nas partidas como mandante”, declarou o mandatário atleticano, que já teve quatro técnicos em sua gestão: Levir Culpi, Diego Aguirre, Marcelo Oliveira e por último Roger Machado.

Enquanto o nome do escolhido não é definido, Diogo Giacomini comandará o time no próximo domingo (23), em partida diante do Vasco, novamente no Independência. Mesmo com o fraco desempenho como mandante, o Atlético é o 11º colocado com os mesmos 20 pontos do seu próximo adversário, que fica à frente na classificação por ter uma vitória a mais. #Atletico-MG #Dança dos Técnicos #Brasileirão