O São Paulo enfrenta o Santos pelo Campeonato Brasileiro, neste domingo (9), às 19h, e a torcida tricolor já pode lamentar antes mesmo de a bola rolar na Vila Belmiro.

O meia Cueva não foi relacionado para a partida. A informação foi divulgada pelo repórter da ESPN Eduardo Affonso, que postou no Twitter o print em que o goleiro Sidão diz que o zagueiro Rodrigo Caio e o meia peruano não foram relacionados.

A informação caiu como uma bomba na torcida do São Paulo e diversos internautas lamentaram este que é um grande indício de que #Cueva também está sendo negociado. A diretoria foi o grande alvo da fúria dos são-paulinos.

Publicidade
Publicidade

“Absurdo, a falta de transparência, a falta de respeito com o maior patrimônio do clube, o torcedor, que tanto espera pra ver essas coisas”, comentou uma interna na postagem de Edu Affonso.

“Esses descasos com o torcedor estão acontecendo há 9 anos, o clube se apequena mais a cada dia, sucessões de erros, falta de planejamento etc”, criticou outro são-paulino.

“Cara, triste demais mesmo, nosso Tricolor é vítima de tudo isso. Tem que mudar tudo, começando pelo Leco”, postou outro torcedor. “Estão afundando o São Paulo, que balcão de negócios é esse?”, criticou mais um.

“O que fizeram com o time? Imagina a cabeça de quem ficou. Muito triste essa situação do SPFC”, lamentou um são-paulino. “Já fico preocupado com o coitado do Dorival júnior que está chegando agora”, disparou mais um.

Balcão de negócios

O zagueiro Rodrigo Caio, um dos principais nomes do elenco do São Paulo e convocado com frequência para a seleção brasileira, foi negociado junto ao Zenit, da Rússia, pelo valor integral de sua multa rescisória: 18 milhões de euros, o equivalente a quase R$ 68 milhões.

Publicidade

Se a notícia já deixou boa parte dos são-paulinos tristes, a informação de que Cueva não foi relacionado e isso indica uma possível venda, piora ainda mais a situação. Ainda não há detalhes do destino do meia peruano.

A expectativa é de que Cueva seja vendido por cerca de 10 milhões de euros, aproximadamente R$ 38 milhões. Os valores somados alcançam R$ 106 milhões. Juntando aos R$ 181 milhões que o São Paulo já havia conseguido com outras vendas no ano, o clube terá embolsado impressionantes R$ 297 milhões.

Thiago Mendes, Luiz Araújo, David Neres, Maicon, Lyanco, Luisão e Galván foram os jogadores negociado pelo Tricolor. A torcida espera que parte do dinheiro que entre seja usado em reforços. Afinal de contas, o São Paulo briga na parte de baixo da tabela do Campeonato Brasileiro e precisa de jogadores de qualidade para sair da situação em que se encontra.

#Mercado da bola #São Paulo FC