Apesar de diversos investimentos feitos nesse ano pela patrocinadora 'Crefisa', a diretoria do verdão ainda busca reforços para áreas do campo que estão defasadas, como por exemplo, uma das defasagens que a equipe enfrenta é na lateral, e não é só o verdão mas muitos clubes brasileiro encontram dificuldade em ter jogadores nessa posição.

O verdão vem improvisando jogadores na lateral direita, e muitas vezes quem é utilizado são jogadores que não se adaptam a posição, assim como Michel Bastos e Jean, porém, o único lateral de origem é o Zé Roberto, que já enfrenta alguns problemas por ter 43 anos e não conseguir atuar em uma partida de 90 minutos.

Publicidade
Publicidade

Lateral oferecido ao Palmeiras

Um jogador foi oferecido, não só ao #Palmeiras mas também ao Cruzeiro, e este é um jogador brasileiro que já atuou pelo clube inglês Manchester United. Se trata do lateral Fábio, o qual atua pelas duas laterais, já que a defasagem do clube mineiro é na direita e a do paulista pela esquerda, o jogador foi revelado nas categorias de base do Fluminense, na qual também revelou seu irmão Rafael, o lateral já passou pelo QPR, Cardiff City e Middlesbrough, todas as equipes da Premier League.

O jogador é muito conhecido dentro do futebol inglês e já tem 27 anos de idade, e tem mais uma temporada de contrato com o Boro, porém, já foi oferecido ao futebol brasileiro e uma proposta deve ser feita pela diretoria do verdão, o que aguarda-se é uma reunião entre a diretoria e patrocinadores para decidir se o clube tentará a #contratação do lateral ou não.

Publicidade

A Crefisa, patrocinadora master da equipe, deve pagar o salário do jogador, já que a maioria das contratações feitas atualmente contam com o apoio da empresa, mas é possível que o Palmeiras arque com os salário do lateral para a patrocinadora auxiliar, posteriormente, em uma possível contratação do meia Diego Souza.

Diego Souza

A diretoria do Palmeiras travou uma novela com o jogador do Sport-RE, Diego Souza, o qual está sendo sondado pelo verdão há um bom tempo, porém, a diretoria do clube pernambucano já assumiu que não deseja negociar o jogador e o próprio disse que não gostaria de "brigar" com o clube, mas o meia não viajou para jogar com a equipe contra o Curitiba, pelo Campeonato Brasileiro.

Se o jogador viajasse para atuar contra o coxa, estaria cumprindo os jogos mínimos por uma equipe no brasileiro, mas o empresário do meia alegou que o mesmo estava com problemas particulares e não poderia viajar e nem mesmo treinou junto com o elenco do clube pernambucano, isso criou uma grande especulação porque é possível que uma proposta chegue ao jogador. #Mercado da bola