O Palmeiras é o clube mais atuante no #Mercado da bola. Mas últimas semanas, a equipe paulista se envolveu em algumas polêmicas. Primeiro foi com o atacante Richarlisson, do Fluminense. O Verdão fez proposta para o time carioca, o atleta se sentiu balançado e não viajou para defender o clube tricolor. O fato gerou uma imensa insatisfação na diretoria e também no técnico Abel Braga, que criticou bastante após o duelo. O #Palmeiras venceu por 3 a 1 na ocasião.

Depois de ver a negociação naufragar, Alexandre Mattos, executivo de #Futebol, posicionou um novo alvo. Depois de conversar com Cuca, e com o presidente Maurício Galiotte, o dirigente foi atrás do meia atacante Diego Souza, do Sport.

Publicidade
Publicidade

As conversas se iniciaram e Diego não viajou para defender o time pernambucano contra o Coritiba fora de casa. A ausência do atleta deixou a diretoria bastante nervosa e constrangida, ameaçando até de processá-lo na Justiça comum por não cumprir contrato.

Nesta terça-feira (11), porém, a novela parece que chegou ao fim. Segundo o site Globo Esporte, o empresário de Diego, Eduardo Uram, ligou para o vice presidente do Sport, Gustavo Dubeaux, e confirmou que o jogador vai se reapresentar nesta quarta-feira (12), e treinará normalmente. O contrato será cumprido normalmente. Se entrar em campo na quinta-feira contra a Chapecoense, o Palmeiras vê como zero as chances de contratação. Ele não poderá mais defender nenhum clube pelo Campeonato Brasileiro 2017.

De acordo com informações, Diego estava no Rio de Janeiro 'resolvendo problemas pessoais'.

Publicidade

Nos bastidores comenta-se que o meia atacante conversou com Mattos e a negociação não evoluiu. O Sport ofereceu luvas e aumento salarial, porém voltou atrás.

Clássico

Palmeiras e Corinthians se enfrentam no Allianz Parque nesta quarta-feira (12), 21h45, pelo Campeonato Brasileiro. A vitória para o Verdão dará uma sobrevida na competição. Com 19 pontos, o Alviverde diminuiria a distância para o Alvinegro que atualmente é o líder com 32 pontos.

Para o clássico, Cuca terá três atletas importantes à disposição. O volante Felipe Melo, praticamente recuperado de cirurgia, o meia Alejandro Guerra, que passou por drama familiar após acidente com seu filho, e Miguel Borja, recuperado de intoxicação alimentar. O colombiano foi envolvido em especulações durante a semana que apontaram até nódulos no estômago. Empresários de Borja desmentiram a informação e confirmaram ser apenas uma indisposição.