Desde o ano passado a diretoria do #Corinthians ficou conhecida por não recusar praticamente nenhuma oferta. Porém, as coisas parecem que aos poucos estão mudando no Parque São Jorge. Isso porque a diretoria corinthiana recebeu uma oferta verbal do CSKA da Rússia pelo lateral corinthiano Guilherme Arana. O jovem jogador é um dos melhores do #Futebol brasileiro e tem diversas passagens pela seleção de base.

Segundo o portal UOL, a oferta girava em torno de 10 milhões de euros. Mas, a diretoria alvinegra recusou a investida russa por dois motivos principais. Primeiramente, os russos pediram que o lateral fosse liberado imediatamente para se transferir para o futebol daquele país.

Publicidade
Publicidade

Um segundo fator que motivou a recusa, foi que os valores são considerados baixos.

A diretoria já deixou claro para os interessados no lateral que não o liberam nesse momento. Em qualquer investida pelo atleta, a sua liberação só deve acontecer no mês de dezembro. Novamente, duas coisas motivam o clube a não aceitar a sua liberação agora.

O primeiro é que com a temporada em andamento, seria necessário buscar outros nomes para a posição, por conta disso a temporada estaria em risco. Outro fator é que o Corinthians é líder do Brasileirão, em caso de título o jogador terá uma valorização muito considerável. O Corinthians cogita aceitar a saída de Guilherme Arana agora só se a oferta recebida for superior aos 15 milhões de euros - 56 milhões de reais.

Uma oferta agora tem grandes chances de ser recusada também pelo jovem jogador.

Publicidade

Isso porque o Corinthians lidera nesse momento o Campeonato Brasileiro e com grandes chances de título. Saindo agora ele perderia uma grande oportunidade de quem sabe, ganhar um titulo brasileiro.

Além do CSKA, outro clube que está disposto a abrir a carteira para contratar Arana é o Bordeaux, da França. O clube francês pode pagar 12 milhões de Euros pelo jogador corinthiano.

Vale lembrar, que na gestão anterior, vários jovens jogadores foram fatiados com empresários. Dessa forma, o Corinthians só conta hoje com apenas 40% dos seus direitos econômicos. Fato que gera muitas críticas por parte da torcida do clube.

O jovem lateral virou titular após Uendel, que era titular absoluto até o ano passado, ser negociado com o Internacional. Desde então ele vem crescendo e mostrando um excelente futebol, ajudando o time a se manter na liderança do Campeonato Brasileiro. #Esportes