Contratado em março deste ano junto à Universidad de Chile, o meia Gastón Fernández deverá deixar o Grêmio nos próximos dias. O jogador de 34 anos se reuniu com a diretoria há cerca de duas semanas e expôs que gostaria de star atuando mais vezes, embora reconheça que o momento de seus companheiros seja bom.

O jogador argumentou que com a atual idade não pode mais ficar aguardando oportunidades na reversa, mas que não gostaria de deixar o clube, porém este deverá ser o destino do atleta, que não foi escalado por Renato Portaluppi na partida contra o Avaí, apesar de estar em condições de atuar. O argentino esteve em campo em 13 partidas na temporada.

Publicidade
Publicidade

O #Grêmio não irá se opor à saída do jogador, cujo contrato vai até o início de 2019 mas não quer ficar de mãos abanando, uma vez que pagou cerca de 500 mil dólares para ter o atleta e deseja ter uma compensação financeira.

Até o momento apenas um time manifestou o desejo de contar com o futebol do jogador. O Estudiantes da Argentina, clube que Gastón foi campeão da Libertadores em 2009 e também defendeu em 2016 pode ser o destino do jogador. No entanto, até o momento nenhuma proposta oficial foi enviada ao Grêmio. “Vamos esperar para ver se tem proposta ou não”, disse o vice de futebol gremista Odorico Roman.

Foi para o Canadá

Nesta segunda-feira (10), o Grêmio anunciou o empréstimo por um ano do lateral-direito Raul para o Toronto FC, do Canadá, time que disputa a Major League Soccer.

Publicidade

O jogador, que já está na América do Norte para realizar exames médicos, é considerado uma das promessas da base gremista e já defendeu a Seleção Brasileira Sub 20.

Por conta do empréstimo, Raul teve seu contrato, que vencia em dezembro de 2018, renovado até o final de 2019. Após se recuperar de uma lesão no púbis, o jogador estava atuando no time de transição do Grêmio.

Provável time para pegar o Flamengo

Os titulares do Grêmio tiveram folga nesta segunda-feira (10), só voltando a trabalhar na terça, já visando o duelo da próxima quinta-feira (13) contra o Flamengo, no Rio de Janeiro, onde o Tricolor tentará quebrar a sequencia de três derrotas seguidas dentro do Campeonato Brasileiro, o que lhe fez perder contato com o líder Corinthians. Para este duelo Renato Portaluppi deverá ter força máxima, começando o jogo com Marcelo Grohe no gol; Edílson, Geromel, Kannemann e Cortez formando a defesa; Michel, Arthur, Ramiro, Luan e Pedro Rocha no meio de campo e Barrios no ataque. #Mercado da bola #Brasileirão