Após a demissão de #Rogério Ceni, e mudanças na comissão técnica do Tricolor do Morumbi, muitos rumores se formaram sobre problemas internos que o clube estaria vivendo. Dessa vez, envolvendo o ex-jogador do clube e auxiliar #Pintado, que tem futuro indefinido - não se sabe ainda se ele irá permanecerá, mas não seria como auxiliar. Pintado teria "traído" Rogério Ceni.

Segundo informações do Blog do Menon, na UOL, houve um consenso de que ele não teria vazado informações a respeito das polêmicas do caso da prancheta que Ceni arremessou no chão e detalhes sobre a saída de Michael Beale, ex-auxiliar de Rogério que se demitiu pouco antes da demissão do mito tricolor.

Publicidade
Publicidade

Resposta de Pintado

Após ler as possíveis razões de seu afastamento do cargo e indefinição, Pintado resolveu se retratar com o mesmo blogueiro por telefone, que publicou em seu blog as respostas do ex-jogador.

Pintado negou que teria traído Ceni ou até mesmo vazado qualquer tipo de informação. Chegou até a pedir para que se alguém duvidasse de seu caráter, que perguntasse para jogadores que já haviam jogado junto dele em sua época como jogador de futebol profissional. Citou nomes como Raí e Ronaldão para garantir a sua índole.

Sonho de voltar ao clube

Ele também falou sobre a sua relação com o ex-treinador do São Paulo, segundo ele, tinham uma ótima relação e jamais o trairia.

Segundo ele, o grande sonho de sua vida após ter se aposentado era voltar ao São Paulo, por isso não faria algo para atrapalhar seu sonho, ainda mais com Ceni.

Publicidade

O ex-jogador chegou a lembrar que estava na estreia do goleiro em 1993 e também como treinador. E novamente, negou que pudesse trair o mesmo ou qualquer outra pessoa.

Pintado, negou por mais vezes qualquer tipo de traição, disse que conversava com o técnico sobre o desempenho dos atletas, e que sempre tentou cumprir com seu papel de auxiliar.

Disse que conversava com ele sempre, que se fosse para ficar calado teria ficado no clube por décadas, já que ninguém o notaria, mas segundo o mesmo não foi para isso que veio ao São Paulo, e sim para ajudar o clube que recentemente tem passado por anos difíceis. Pintado falou também que sempre que necessário, preferia falar com Ceni a sós, com a intenção de ajudar, cumprindo o seu papel, e que isso jamais seria traição.

Incógnita na função

Agora, o São Paulo ainda não sabe onde irá colocar Pintado dentro do clube ou se irá demitir o mesmo, por enquanto os rumores são a respeito de um novo cargo que envolva as categorias de base. #São Paulo FC