Os fatos lamentáveis ocorridos na noite de sábado, 8, em São Januário ainda vão dar dor de cabeça a muita gente. O major Ivan Blaz, coordenador de comunicação da PM, concedeu entrevista coletiva nesta segunda-feira, 10, e falou sobre a revista no clássico. Um fato grave pode ter ocorrido, a PM não descarta que as bombas caseiras poderiam já estar dentro do estádio, impedindo assim que fossem encontradas na revista.

''O estádio é muito tradicional e convive com constantes conflitos entre a torcida do #Vasco. Esse fato tem se provado ao longo do Campeonato Brasileiro. É uma possibilidade real e estamos observando, dada a incerteza política que o clube vive atualmente.

Publicidade
Publicidade

Essa possibilidade dos artefatos já estarem dentro do estádio antes do início do jogo é muito real'', afirmou o major.

Houve uma imensa crítica sobre a forma que esses artefatos entraram no estádio. A PM se defendeu e afirmou que cabe ao clube revistar os torcedores que adentram no estádio.

''Esse evento é privado. Desse modo, há a necessidade de funcionários civis, dos times e também dos órgãos envolvidos na segurança do evento e também na revista. A polícia faz a supervisão e presta suporte nesses casos. Quanto a isso, não há dúvidas. Isso é comum. Não há dúvidas que a responsabilidade é do clube'', completou o major Ivan Braz em entrevista nesta segunda-feira.

O #Futebol carioca viveu um final de semana para esquecer. Se em São Januário houve violência e mortes, no estádio Nilton Santos foi parecido.

Publicidade

Torcedores de Atlético Mineiro e Botafogo entraram em confronto e isso acabou gerando uma enorme confusão em que a PM deteve cerca de 10 torcedores. Um torcedor foi baleado, mas não veio a óbito.

O estádio de São Januário já corria risco de punição pela confusão da torcida vascaína no jogo contra o Corinthians. Agora, com esses novos fatos, a tendência é que o clube leve uma punição pesada. Dentro de campo, o estádio pode fazer uma falta, já que 15 dos 16 pontos conquistados pelo Vasco nesse Campeonato Brasileiro, aconteceram em casa.

A equipe agora terá pela frente o Vitória, em partida fora de casa, na qual precisa vencer para subir na tabela de classificação. Porém, com apenas um ponto conquistado fora de casa, a equipe de Milton Mendes terá que superar os seus desfalques e batalhar para sair com um resultado positivo de Salvador. O próximo duelo em São Januário ainda está marcado para o próximo domingo, quando o time enfrenta o Santos. #Esportes